SANTO ANTÔNIO DE JESUS: Parceria com a Polícia Militar tem ajudado a conter a violência na cidade, afirma delegado - Observador Independente

EM PAUTA

B2

Post Top Ad

banner gif 728x90

quinta-feira, 11 de maio de 2017

SANTO ANTÔNIO DE JESUS: Parceria com a Polícia Militar tem ajudado a conter a violência na cidade, afirma delegado

A Polícia Civil trabalha em parceria com a Polícia Militar para combater o índice de violência e criminalidade na cidade de santo Antônio de |jesus e região. A informação foi divulgada em uma emissora de rádio e confirmada em entrevista pelo Coordenador da 4ª Coorpin no município. Segundo o delegado Edilson Oliveira os serviços de inteligência estão integrados para agilizar na elucidação dos casos registrados no departamento, “geralmente temos obtido êxito. Mesmo que leve um tempo para que o caso seja de fato resolvido o criminoso sempre é preso. O que pedimos é que o cidadão que foi lesado por esses indivíduos não deixe de prestar queixa. É importante para que possamos mapear o local. Por menor que seja o crime é importante o registro do Boletim de Ocorrências”, disse ao repórter Joselito Froes.

Roubos de carros: de acordo Magalhães o número de veículos tomados de assalto no município e na região sofreu uma queda no primeiro trimestre do ano assim como o um acréscimo nas prisões de envolvidos nesse tipo de crime e apreensão de armas.

Índice de crimes violentos caiu: a Secretaria de segurança do estado divulgou dados em que Santo Antônio de Jesus não aparece na lista das 15 cidades mais violentas do estado. Para o delegado o mapa de homicídios ocorridos são datados semanalmente e houve uma redução na proporção do crime entre janeiro e maio, “alguns suspeitos de praticar homicídio já estão com suas prisões decretadas , no entanto continuam foragidos. Os mandados de prisão já estão emitidos e todos os suspeitos foram identificados e confirmado a participação no crime”, salienta.

Gangue da motocicleta: um grupo suspeito vem cometendo assaltos e homicídios na cidade e em municípios da região sempre a bordo de uma motocicleta principalmente nos finais de semana. De acordo a Policia, algumas duplas foram identificadas e presas e apesar da formação de novos grupos a equipe de inteligência já está trabalhando para identificar os suspeitos. Segundo declarou o delegado, a maioria dos indivíduos que formam o grupo criminosos são oriundo de bairros periféricos e na grande maioria são menores de idade, “menores estão sendo apreendidos por participação de assaltos, furtos e até mesmo de crimes hediondos”, finaliza.
(Voz da Bahia)

Publicidade

Publicidade

Post Bottom Ad

JPG 728x90