LAURO DE FREITAS 🦓 Com 40 mil processos parados, OAB pede providências ao TJ-BA - Observador Independente

BAHIA

Booking.com

miércoles, 14 de marzo de 2018

LAURO DE FREITAS 🦓 Com 40 mil processos parados, OAB pede providências ao TJ-BA



A presidente da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Lauro de Freitas, Soraya Franco, pediu a contratação de juízes auxiliares e a implantação da vara de Família na cidade. O pedido foi feito em reunião com a Presidência do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). O presidente da OAB da Bahia, Luiz Viana, também estava presente na reunião. 

Soraya afirmou que, diante da falta de pessoal e de estrutura, mais de 40 mil processos estão parados na vara da Fazenda Pública e cerca de 18 mil estão em tramitação nas varas cíveis. "Nossas reivindicações são no sentido de melhorar o serviço jurisdicional da comarca e com isso beneficiar a sociedade", afirmou Soraya Franco. 

O presidente do TJ, desembargador Gesivaldo Britto falou sobre a realização do concurso para juiz, com abertura de 50 vagas. Para o Presidente da Comissão de Prerrogativas, Adriano Batista, a reunião foi um passo para a mudança. "Demonstra que a direção do TJ não prejudicará o diálogo que se iniciou na gestão da desembargadora Maria do Socorro e também porque sinalizamos ao atual presidente que a OAB vai continuar cobrando do Poder Judiciário, principalmente, no que diz respeito à contratação de juízes, viabilização do alvará eletrônico e melhoria das condições de atendimentos nos recém implantados cartórios integrados", frisou. 

Na ocasião, o presidente Luiz Viana apresentou ainda dois ofícios ao presidente do TJ-BA. Um pedindo que a implementação de fato do alvará eletrônico no Cartório Integrado e o segundo sobre o funcionamento das varas dos cartórios integrados que estão descumprindo as prerrogativas.

Paginas