FEIRA DE SANTANA @ Concluído estudo de campo que apontará soluções para melhorar trânsito do Anel de Contorno - Observador Independente

BAHIA

29 de junio de 2018

FEIRA DE SANTANA @ Concluído estudo de campo que apontará soluções para melhorar trânsito do Anel de Contorno

O Departamento de Engenharia da SMT fez um detalhado levantamento nos seguintes locais e as informações foram levadas ao debate / Foto: Paulo José/Acorda Cidade




Ideias que poderão se transformar em soluções para os problemas nos pontos considerados críticos na parte não duplicada da avenida Eduardo Fróes da Motta, tornando-a segura em toda sua extensão, foram discutidas durante reunião na SMT (Superintendência Municipal de Trânsito). O encontro serviu como fechamento do estudo de campo.

O Departamento de Engenharia da SMT fez um detalhado levantamento nos seguintes locais e as informações foram levadas ao debate: à altura da Cerb, do Restaurante Los Pampas, da avenida Artêmia Pires, no Santo Antônio dos Prazeres, às entradas da Mangabeira, Senai, Morada das Árvores, rua Andaraí e o acesso do Feira IX. Todos usados como travessia pelos motoristas.

O DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), estima que, apenas no trecho da avenida de Contorno, entre a Pousada da Feira e a Cidade Nova, diariamente transitem 12 mil veículos. De acordo com a Polícia Rodoviária, no ano passado, em toda extensão da avenida, foram registrados 340 acidentes. A grande maioria aconteceu na parte não duplicada.

Representantes de Polícia Rodoviária Federal, DNIT (, 3ª Ciretran, Via Bahia e ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestre), mais da SMT, compõem um grupo de trabalho, discutiram os problemas, apresentaram variáveis e apresentarão diagnóstico à sociedade durante seminário – sem data ainda não definida para acontecer. A iniciativa está no contexto do Maio Amarelo.

Trabalho compartilhado

“Estamos fazendo um trabalho compartilhado e com os mesmos objetivos, com todos os segmentos apresentando suas ideia, que são devidamente discutidas. Acredito que, postas em prática, o que está sendo debatido vai melhorar as condições do tráfego naquela região e a via ficará segura para todos”, afirmou o titular da SMT, Maurício Carvalho.

O superintendente afirmou ainda que o fato da maior parte da população morar fora do Anel de Contorno aumenta consideravelmente a necessidade da busca de soluções para estes problemas. “Milhares de pessoas todos os dias fazem este trajeto de ida e volta. Por isso, apresentar soluções é imperioso. São iniciativas que buscam diminuir os impactos nestes locais”.

Inspetor da PRF diz que duplicação da pista é a solução definitiva

O inspetor da PRF, Altimar Brandão, disse que a duplicação das pistas é a chave para definitivamente resolver os problemas da Contorno. “Mas, enquanto este serviço não é feito, estas ideias poderão dar fluidez e segurança para quem circula pela avenida”.

Fluxo maior do que a capacidade permitida

O representante do DNIT, Ricardo Martins, disse que postas em prática, as ideias debatidas contribuirão para diminuir os riscos de acidentes na Contorno. “Hoje, passam mais veículos do que a capacidade da avenida permite”. De acordo com ele, existe um projeto para duplicação do trecho citado, e empresa contratada. “Estamos esperando a liberação dos recursos”.

Para Djavan Santos, da Via Bahia, empresa responsável pela manutenção da avenida, os debates e ideias são embriões que vão resultar em ações preventivas que reduzirão os acidentes na Contorno.

Paginas