FUTEBOL @ Vitória é derrotado pelo São Paulo por 3 a 0 fora de casa - Observador Independente

BAHIA

miércoles, 13 de junio de 2018

FUTEBOL @ Vitória é derrotado pelo São Paulo por 3 a 0 fora de casa

Jogo teve arbitragem controversa, alvo de reclamações por parte dos rubro-negros
Foto : Divulgação/ECV/Andre Hiltner




O Vitória foi até a capital paulista para enfrentar o São Paulo na noite de hoje (12), no Morumbi, pela 12ª rodada da Série A do Brasileirão. O rubro-negro não conseguiu ameaçar o tricolor, que teve facilidade para golear o Leão. Em jogo com arbitragem contestada, o time baiano acabou derrotado por 3 a 0. Marcaram para o São Paulo Nenê (2) e Everton.

O resultado fez o Vitória estacionar na 15ª posição, com 12 pontos. O rubro-negro ainda aguarda o fim da rodada para saber se poderá cair mais posições na tabela. O próximo compromisso da equipe ocorre somente em julho por conta da parada para a Copa do Mundo. O Leão recebe o Paraná no dia 18, uma quarta-feira, no Barradão, às 21h. 

A história do jogo - Embalado após arrancar um empate diante do Corinthians, o Vitória enfrentou o São Paulo tentando somar pontos para subir na tabela da Série A. No entanto, o time rubro-negro esbarrou no bom momento do time paulista, que não deu chances. 

Comandado por Nenê, o São Paulo abriu o placar no primeiro tempo com um golaço do camisa 7. O meia recebeu na direita, limpou o lance da defesa e mandou de canhota no ângulo da meta defendida pelo goleiro Elias, que não teve chances de defender. Quando tentou reagir, o time do técnico Vagner Mancini foi atrapalhado pela arbitragem.

Responsável pelo apito, o árbitro Igor Bevenuto expulsou o meia Yago após disputa de bola com Nenê. O lance gerou muita discussão, fazendo até o meia do time paulista afirmar que a punição mais correta seria o cartão amarelo. Com um jogador a mais, o time paulista seguiu pressionando. Desta vez pela esquerda, Everton tentou o cruzamento mas a bola bateu na defesa e voltou para ele. Na segunda chance, ele encontrou Nenê livre de marcação e o jogador bateu de chapa para fazer o segundo.

A volta do segundo tempo trouxe mais sofrimento para os rubro-negros. O time continuou pressionado e sem poder de reação. Em vantagem, o São Paulo chegou ao terceiro com Everton aos oito minutos. Após cruzamento pela direita de Lucas Fernandes, a bola desviou em Jeferson e sobrou para o tricolor mandar uma bomba sem chances para Elias.

O time do Vitória renovou as esperanças após Lucas Fernandes receber o segundo amarelo e ser expulso, igualando numericamente a quantidade de atletas em campo. No entanto, o que se viu foi a continuidade do atropelo contra o rubro-negro. Sem reagir, o time acumulou mais uma derrota.


Matheus Simoni 

Paginas