SALVADOR @ Após operação que estourou “laboratório do tráfico” no bairro Sussuarana, 15 pessoas são presas - Observador Independente

BAHIA

31 de julio de 2018

SALVADOR @ Após operação que estourou “laboratório do tráfico” no bairro Sussuarana, 15 pessoas são presas

Crédito da Foto: Divulgação SSP-BA



Equipes da Coordenação de Operações Especiais (COE) e da 11ª Delegacia Territorial (DT/Tancredo Neves) estouraram um centro de distribuição de drogas, em Salvador, e prenderam 15 traficantes. O flagrante aconteceu, na tarde de segunda-feira (30/7), no bairro de Sussuarana. Cerca de 5kg de drogas, pistola e rádios comunicadores foram encontrados.

Segundo a SSP-BA, os policiais civis faziam uma ação de reconhecimento, na localidade Parque Jocélia, quando dois homens saíram correndo. Eles acabaram alcançados e confessaram que integravam uma quadrilha de traficantes. Após, indicaram uma casa onde repartiam as drogas. As equipes foram até o local e flagraram mais 13 criminosos embalando entorpecentes.
Crédito da foto: divulgação/SSP-BA


Ainda de acordo com a SSP-BA, no imóvel foram apreendidos cerca de 5 kg de drogas, 20 mil pinos vazios, uma pistola 9mm (uso restriro), carregadores, munições de diversos calibres, três rádios comunicadores, placas de colete balístico, balanças, R$ 150, balaclavas, celulares e uma motocicleta modelo Falcon, placa JPI-1471.

Na operação foram presos Lailson Mendes Barros, Jorge Alberto Oliveira Santos Junior (mandado em aberto por homicídio), Alan dos Santos Rodrigues (mandado em aberto por tráfico de drogas), Leandro Rosa Araújo, Luciano de Jesus Brito, Elvis Sena Silva Santos, Luis Paulo Silva dos Santos, Josimar Fiuza Soares, Italo Sousa Pessoa dos Anjos, Valnei Moreira da Paixão (mandado em aberto por porte ilegal de arma), Lucas Ferreira Nogueira, Marcelo de Jesus Andre, Mateus de Oliveira dos Santos, Fabrício Cruz Sotero e Adriele Santana de Andrade.
AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Paginas