SALVADOR @ Salvador e Feira perdem R$ 15,5 milhões por ano em recursos da saúde - Observador Independente

BAHIA

martes, 3 de julio de 2018

SALVADOR @ Salvador e Feira perdem R$ 15,5 milhões por ano em recursos da saúde

Aproximadamente 360 mil pessoas nas duas cidades ficaram sem Equipes de Saúde da Família
Foto : Karina Zambrana/MS




Com a publicação da portaria 1.717 do Ministério da Saúde, em 12 de junho de 2018, os municípios de Salvador e Feira de Santana perderam, juntos, cerca de R$ 15,5 milhões por ano em recursos federais e incentivos estaduais, ao deixar de implantar 107 Equipes de Saúde da Família que estavam com projetos aprovados.

Aproximadamente 360 mil pessoas, das quais 210 mil em Salvador e 150 mil em Feira de Santana, ficaram sem assistência de uma ESF.

A portaria descredencia projetos já aprovados e com recursos garantidos, que não foram colocados em prática. A maioria deles eram propostas antigas, mas os atuais prefeitos – ACM Neto e Colbert Martins, sucessor de José Ronaldo – não implantaram os serviços.

Para cada Equipe de Saúde da Família, o Ministério da Saúde destina R$ 128.340 por ano, enquanto o Estado da Bahia investe R$ 18 mil para o mesmo período. A lista completa dos municípios que tiveram equipes descredenciadas está disponível no site do ministério.

metro1

Paginas