SALVADOR @ Prefeito ACM Neto suspende reajuste de tarifa de ônibus em Salvador até que frota seja renovada - Observador Independente

SALVADOR @ Prefeito ACM Neto suspende reajuste de tarifa de ônibus em Salvador até que frota seja renovada

Compartilhar
Prefeito ACM Neto suspende reajuste de tarifa de ônibus em Salvador até que frota seja renovada. Foto: Reprodução/Secom / Padrão OBI



O prefeito de Salvador, ACM Neto, informou, nesta segunda-feira (24), que suspendeu o reajuste da tarifa de ônibus da cidade, que aconteceria a partir de 2 de janeiro de 2019.


Por meio das redes sociais, o prefeito divulgou que, até que a frota de ônibus seja renovava, a tarifa em Salvador permanece no valor de R$ 3,70.

Até que isto aconteça, a tarifa de R$ 3,70 está mantida. Ou seja, o reajuste que entraria em vigor dia 2 de janeiro não vai acontecer. Só vamos discutir o valor da tarifa quando os empresários iniciarem o processo de renovação da frota.

De acordo com ACM Neto, houve uma reunião com empresários de ônibus, na manhã desta segunda, e foi decidido que a prefeitura só vai conceder o reajuste de tarifa quando eles se comprometerem com a renovação da frota. A cidade possui, atualmente, uma frota de 2,6 mil ônibus.

Acabei de participar de uma reunião com empresários de ônibus e informei que a Prefeitura somente vai conceder o reajuste de tarifa quando eles se comprometerem com a renovação da frota.

A licitação assinada pela prefeitura com as empresas vencedoras da licitação para operar o transporte da capital, assinada em 2014, previa que a média de idade da frota de ônibus, que já chegava a dez anos, caísse para 3,5 anos.

Também foi acordado que os ônibus seriam adaptados para utilização de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, além de um sistema de ventilação forçada. Segundo Jorge Castro, diretor de relações de trabalho da Integra, consórcio das empresas de transporte de Salvador, a associação não vai se pronunciar a respeito da declaração do prefeito.

O último reajuste na passagem dos ônibus de Salvador ocorreu em janeiro de 2018. A passagem na ocasião passou a custar R$ 3,70, valor que é cobrado atualmente -- houve um aumento de R$ 0,10 em relação ao valor praticado anteriormente.

Post Bottom Ad

VivaABahia