Retrospecto ruim de Bahia e Vitória na Copa São Paulo liga sinal de alerta para investimento na base - Observador Independente

Retrospecto ruim de Bahia e Vitória na Copa São Paulo liga sinal de alerta para investimento na base

Compartilhar
Foto: Reprodução/FPF



A última boa participação foi do Tricolor ao chegar à semifinal na edição de 2013; ao todo quatro eliminações na primeira fase e seis na segunda, isso somando a participação tanto do Esquadrão quanto do Leão.



A dupla Ba-Vi não vem tendo um bom retrospecto na Copa São Paulo de Futebol Júnior e a cada ano que passa isso fica ainda mais evidente.

Tanto tricolores quanto rubro-negros amargam eliminações precoces na principal competição da base no Brasil. Neste ano, a maior decepção: o Bahia foi eliminado ainda na primeira fase, enquanto o Vitória já caiu na fase seguinte.

O retrospecto ruim da dupla Bahia e Vitória na Copa São Paulo faz ligar o sinal de alerta para o investimento nas categorias de base dos times da capital.

O torneio, considerado a referência para equipes sub-20, é sempre visto como uma vitrine para jogadores que virarão destaque das equipes principais nas temporadas seguintes.

RETROSPECTO

De 2013 para cá, foram duas eliminações na primeira fase tanto para o Bahia (2019 e 2014) quanto para o Vitória (2014 e 2013). A segunda fase é outro grande obstáculo para os dois grande da Bahia. Ao todo são seis eliminações nesta fase: três para o Tricolor (2018, 2017 e 2015) e outras três para o Leão (2019, 2017 e 2016).

A presença de pelo menos um da dupla nas quartas de final é ainda mais rara. Desde 2013, o Vitória é quem tem mais eliminações nesta fase (duas vezes oportunidades, em 2018 e 2015 quando foi eliminado por São Paulo e Palmeiras, respectivamente). Já o Bahia tem apenas uma eliminação nesta fase, em 2016, quando foi eliminado pelo América-MG.

A última boa campanha de um time baiano na Copa São Paulo foi em 2013, quando o Bahia chegou às semifinais. Na oportunidade, o Tricolor acabou sendo eliminado nos pênaltis pelo Goiás. Depois de um empate em 1 a 1, o Tricolor perdeu nos pênaltis por 3 a 0 e colocou fim no sonho de pelo menos repetir a campanha de 2009, quando chegou à final e perdeu o título para o Flamengo.

Post Bottom Ad

Apostilas Opção