Após polêmica, Baile de carnaval da Vogue é cancelado - Observador Independente

Após polêmica, Baile de carnaval da Vogue é cancelado

Compartilhar
Crédito da foto : Divulgação/Vogue



Em nota, a direção do evento, que seria realizado antes da folia, afirma que uma nova festa será realizada em março.



Após a polêmica envolvendo a saída de patrocinadores do evento, a Vogue Brasil anunciou que o baile tradicional de carnaval, que seria realizado no dia 21 de fevereiro, foi cancelado. Uma nova data, no dia 23 de março, vai servir para a realização de um novo evento, num sábado.

Anunciada como cantora principal do baile, Ivete Sangalo era a principal artista da festa. No entanto, nenhum novo nome foi divulgado para a nova data e configuração da festa. O problema ocorre após a pressão de patrocinadores do evento por conta do episódio envolvendo a ex-diretora da Vogue, Donata Meirelles, que foi acusada de racismo. 

Com o objetivo de transformar o Baile de Gala da Vogue numa plataforma de inclusão no universo da moda, a Vogue entende que precisa de tempo hábil para implementar ações importantes e garantir que o baile seja efetivamente um marco deste novo momento, 

afirmou a revista, por meio do comunicado. 

Em nota interna divulgada nesta semana, a Vogue Brasil afirma que irá repensar toda a estratégia da empresa para viabilizar "uma maior democratização e inclusão social no ambiente da moda".

Das inúmeras sugestões que estão sendo debatidas e analisadas, decidimos fazer do nosso mais importante evento, o Baile de Carnaval, a plataforma desta conciliação. Convidamos vozes ativas de movimentos sociais, filósofos, formadores de opinião e celebridades que têm um histórico de luta em prol de uma sociedade mais igualitária para dividirem o palco do Teatro Vogue com nossas principais atrações,
afirma o texto, divulgado para personalidades.

A iniciativa tem como objetivo fazer com que o baile deste ano seja "transformador".

Post Bottom Ad

VivaABahia