Empresas de políticos faturaram R$ 1,1 mi com verba pública na eleição na Bahia - Observador Independente

Empresas de políticos faturaram R$ 1,1 mi com verba pública na eleição na Bahia

Compartilhar
Crédito da foto :: Waldemir Barreto/Agência Senado



Na Bahia, o senador Angelo Coronel (PSD) pagou R$ 108 mil para o aluguel de uma aeronave de uma empresa da sua família e da qual ele é presidente.



Os candidatos das eleições de 2018 gastaram pelo menos R$ 1,1 milhão dos recursos dos fundos partidário e eleitoral em empresas próprias ou de outros políticos, aponta levantamento da Folha de S. Paulo.

A pesquisa aponta que 11 candidatos usaram os recursos nas próprias empresas e outros 121 gastaram com companhias de outros políticos que disputaram a eleição do ano passado. Dos candidatos, o presidenciável derrotado Ciro Gomes (PDT) foi o que mais gastou verbas de campanha em uma empresa própria. 

Na Bahia, o senador Ângelo Coronel (PSD) pagou R$ 108 mil para o aluguel de uma aeronave de uma empresa da sua família e da qual ele é presidente. A companhia também foi contratada pelo senador Jaques Wagner (PT) e o governador da Bahia Rui Costa (PT).

Post Bottom Ad

Apostilas Opção