SALVADOR @ Em meio a confusão, licença para ambulantes é vendida em site de classificados - Observador Independente

Acontecendo

Post Top Ad

Bem-vindo. Hoje é

Post Top Ad

Mário

19 de fevereiro de 2019

SALVADOR @ Em meio a confusão, licença para ambulantes é vendida em site de classificados

Foto: Reprodução / Tv Bahia



Semop afirmou que a licença é pessoal e intransferível.


Um grande número de pessoas está enfrentando longas filas na sede da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) para conseguir adquirir uma licença para trabalhar nos circuitos durante o Carnaval de Salvador. Segundo o órgão, ao todo foram disponibilizadas 2 mil vagas.

Entretanto, há quem esteja se aproveitando da situação para vender estas licenças pela internet. Um anúncio em um site de classificados disponibilizava estas licenças. Em contato com o número informado, uma mulher, que não se identificou, afirmou que foram vendidas duas licenças para o Campo Grande e havia mais uma para a Barra, vendida por R$ 250.

Segundo ela, a licença havia sido adquirida por sua sobrinha, que estava com pretensões de tirar férias e não sabia se teria condições de trabalhar como ambulante durante o carnaval. Ela afirmou ainda que seria possível o surgimento de uma licença para o Campo Grande, mas não era algo certo: “Como ela trabalha fixo, ela disse que ia entrar de férias. Se ela não entrar ela vai vender”, afirmou a vendedora.

A denúncia foi feita por uma outra mulher que estava na fila da Semop tentando conseguir a sua licença, sem sucesso. A Semop afirmou que a licença é pessoal e intransferível: “A Semop informa que só é permitido o cadastro de uma licença por CPF e quem for flagrado irregularmente pela fiscalização terá a licença cassada e os produtos apreendidos.”

O anúncio foi excluído do site, mas uma prévia foi salva pela denunciante:

Post Top Ad

SCB