Senadores decidem por voto aberto para presidência do Senado - Observador Independente

Senadores decidem por voto aberto para presidência do Senado

Compartilhar
Foto : Divulgação




Presidente do PSD na Casa, o senador baiano Otto Alencar orientou o seu partido que David Alcolumbre.



Os senadores da República decidiram hoje (1º), em plenário, que o voto para a presidência do Senado será aberta. A opção teve 50 votos a favor. 

Antes da decisão, muita discussão aconteceu, pois o senador David Alcolumbre (DEM-AP), presidia a sessão e era candidato. 

"Essa votação não cabe, pois deve se manter fechada. Mas não cabe, pois David Alcolumbre, em qual decisão o juiz é candidato? O presidente dessa Casa no processo de eleição do novo presidente é um magistrado, um juiz. É quem vai tirar dúvidas do processo. Se você é candidato e é juiz, eu imagino que os demais candidatos devem estar pensando se isso é verdade", protestou o senador Humberto Costa (PT-PE). 

Presidente do PSD na Casa, o senador baiano Otto Alencar orientou o seu partido que David Alcolumbre, que presidia a sessão, não poderia estar na Mesa Diretora, pois era candidato. "O senhor siga a regra, o bom senso, e saia. Esse é o bom senso", reclamou.

Líder do MDB, o senador Eduardo Braha (MDB-AM) também foi contra a presença de Alcolumbre na Mesa. "O senhor não pode presidir por razões éticas, do regimento. Senhor presidente, você tem que responder se é ou não candidato. Se for, com a amizade que tenho por você, pela brilhante carreira que tem, com toda força da sua juventude, eu digo que não comprometa o seu currículo e história cometendo algo que prejudica enormemente o processo na Câmara mais alta desse país", disse.

Post Bottom Ad

VivaABahia