Banco Central bloqueia R$ 8 milhões das contas de Michel Temer - Observador Independente

Banco Central bloqueia R$ 8 milhões das contas de Michel Temer

Compartilhar
Bloqueio solicitado pelo juiz Marcelo Bretas, contudo, foi de mais de R$ 62 milhões.


O ex-presidente Michel Temer (MDB) teve R$ 8.239.935,56 bloqueados pelo Banco Central, nesta terça-feira (26), um dia após ele deixar a Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro, onde estava preso preventivamente.

O bloqueio solicitado pelo juiz Marcelo Bretas, da 7.ª Vara Criminal Federal do Rio, contudo, foi de R$ 62.595.537,32. O valor bloqueado foi encontrado em três contas de Temer. Em uma havia R$ 8.234.231,17, em outra, R$ 4.905,31 e na terceira, R$ 799,08.

Além disso, o Banco Central bloqueou R$ 23.171.938,17 das contas do coronel reformado da Polícia Militar de São Paulo, João Baptista Lima Filho, o coronel Lima, da mulher dele, Maria Rita Fratezi, e ainda de três empresas deles. Nas contas do ex-ministro Moreira Franco, o Banco Central encontrou R$ 2,1 milhões, quase 12 vezes a mais o valor encontrado na conta de Lima.

Temer, o coronel e Franco são investigados na Operação Descontaminação, um dos desdobramentos da Lava Jato. Eles foram presos na última quinta (21). A soltura do ex-presidente e dos outros presos foi determinada pelo desembargador Ivan Athié, do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2), na segunda.



Foto: José Cruz/Agência Brasil


Post Bottom Ad

VivaABahia