INERTE, aprovação do governo Bolsonaro despenca e vai a 34%, segundo Ibope - Observador Independente

INERTE, aprovação do governo Bolsonaro despenca e vai a 34%, segundo Ibope

Compartilhar
A avaliação positiva de Bolsonaro é inferior às registradas por Fernando Henrique Cardoso (1º mandato), Lula (1º e 2º mandatos) e Dilma Rousseff (1º mandato).



A pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (20) mostra que o presidente Jair Bolsonaro tem problemas com a aprovação do brasileiro. O governo do chefe eleito pelo Partido Social Liberal (PSL) caiu 15 pontos percentuais desde a posse e está com 34% de aprovação. Ainda assim, o percentual aprovação é maior do que o de pessoas que reprovam a gestão Bolsonaro, mesmo com o duro aumento 11% para 24% de reprovação.

De acordo com o levantamento, 34% dos eleitores ouvidos classificaram o governo como “ótimo/bom”; outros 34% dizem que é “regular”; 24%, “ruim/péssimo”; e 8%, “não sabe/não respondeu”.

A avaliação do presidente perdeu 15 pontos percentuais desde a posse. Em fevereiro, segundo a pesquisa, 19% consideravam o governo “ruim/péssimo”; 30%, “regular”; e 39% o avaliavam como “bom/ótimo”.

O Ibope comparou o resultado com o índice de aprovação dos últimos presidentes eleitos em pesquisas feitas no mesmo período de governo.

A avaliação positiva de Bolsonaro é inferior às registradas por Fernando Henrique Cardoso (1º mandato), Lula (1º e 2º mandatos) e Dilma Rousseff (1º mandato). No entanto, é maior que as de Fernando Henrique e Dilma no início do segundo mandato.

A pesquisa ouviu 2.002 pessoas entre os dias 16 e 19 de março. O nível de confiança é de 95%, considerando a margem de erro de 2 pontos para mais ou para menos.



Foto: José Cruz/Agência Brasil



Post Bottom Ad

VivaABahia