OAB em Camaçari emite nota sobre ameaças contra vice-presidente - Observador Independente

OAB em Camaçari emite nota sobre ameaças contra vice-presidente

Compartilhar
Crédito da imagem :: Juris Bahia / Reprodução


Matéria original BNews



A subseção da Ordem dos Advogados em Camaçari emitiu nota em apoio ao advogado Thiago Santos Bianchi, que também é vice-presidente da subseção. Na carta, o órgão declara que ira 

instaurar procedimentos visando resguardar a integridade física, bem como as prerrogativas do profissional.

Thiago Bianchi prestou queixa no dia 26 de fevereiro a 18ª DT – Delegacia Territorial de Camaçari alegando ter recebido ameaça de um atentado contra sua vida, depois que o Supremo Tribunal de Justiça indeferiu o pedido do Município para suspender os efeitos da liminar, dada pelo TSE-BA, anulando a sessão da Câmara Municipal do dia 26 de dezembro de 2017, que permitiu autorização para a prefeitura contrair financiamento internacional na ordem de US$ 80 milhões de dólares; criou duas secretarias no município, aumentou o desconto dos servidores públicos, reajustou o IPTU e impostos municipais.

Ainda de acordo com o advogado, assim que foi publicada a decisão em desfavor do Município, em uma determinada reunião um dos presentes sugeriu um atentado contra a vida dele como maneira de solucionar o caso, uma vez que ele era o autor da ação. Bianchi recebeu então um telefonema informando o conteúdo da referida conversa.

Dessa forma, em virtude de motivação da sobredita ameaça decorrer do exercício profissional na condição de advogado, é que a Subseção de Camaçari se manifesta, invocando, precisamente da autoridade policial rigor no procedimento investigatório, com vistas a garantir que os responsáveis por tal ato criminoso sejam duramente penalizados, 

reforçou a OAB de Camaçari.

Post Bottom Ad

Apostilas Opção