Revolta marca o sequestro e assassinato a pauladas do taxista de Petrolina. Corpo foi encontrado no Piauí - Observador Independente

Revolta marca o sequestro e assassinato a pauladas do taxista de Petrolina. Corpo foi encontrado no Piauí

Compartilhar
Crédito da foto :: Polícia Militar do Piauí (Imagem modificada p/esconder números do documento



Karolina Fernandes



Um casal foi preso no último sábado (02) na cidade de Picos, no estado do Piauí. Eles são suspeitos de sequestrar e assassinar um taxista em Petrolina. Segundo a Polícia Civil do Piauí, Nilton Moura do Nascimento, de 30 anos e Janaína Viana Martins, de 31 anos, pegaram o táxi em Petrolina para fazer uma corrida na cidade pernambucana e depois anunciaram o assalto.

De acordo com a polícia, o taxista Ileno Alexandre da Silva, de 53 anos, foi sequestrado na última quinta-feira (21) e levado à cidade de Simplício Mendes, no Piauí, quando foi morto pelo casal a pauladas. 

Após o crime, o casal seguiu para a cidade de Picos, no Piauí, onde houve a prisão enquanto tentavam negociar peças do veículo do taxista. Eles confessaram o crime e disseram à Polícia que planejavam incendiar o que sobrasse do veículo.

O corpo de taxista foi encontrado na tarde da segunda (4). O corpo do taxista foi encontrado na cidade de Coronel José Dias, a 338 km de Petrolina.

De acordo com a delegada Cinthia Verena, da delegacia de São Raimundo Nonato, a vítima foi encontrada em um matagal próximo à BR-020. Policiais civis e militares participaram das buscas, e familiares e amigos da vítima viajaram de Pernambuco até o Piauí para ajudar.

Janaína Viana é moradora do bairro Mandacaru em Petrolina e Nilton Moura reside em São Bernardo do Campos em São Paulo.



Post Bottom Ad

VivaABahia