Robinho não reclama do número de jogos e quer atuar contra a Caldense - Observador Independente

Acontecendo

Post Top Ad

Bem-vindo. Hoje é

Post Top Ad

Mário

19 de março de 2019

Robinho não reclama do número de jogos e quer atuar contra a Caldense

O meia é o jogador do Cruzeiro que mais esteve em campo em 2018 e mostra estar bem preparado para mais uma grande sequência de compromissos em 2019.


Rita CSJesus 


Robinho vem sendo um dos principais jogadores do Cruzeiro desde a sua chegada ao clube, mostrando que o seu papel no meio de campo estrelado é vital para o ritmo do time. O meia tem conseguido uma regularidade de jogos que o credencia a repetir a boa performance de 2018, quando ajudou a equipe azul a vencer o Mineiro e a Copa do Brasil. 

O camisa 19 foi o atleta de linha do Cruzeiro que mais atuou na temporada passada. Foram 60 presenças em campo em 74 partidas disputadas pelo time celeste em 2018. Esse ano foram oito apresentações das onze possíveis, seja na Conmebol Libertadores ou no Campeonato Mineiro.

Perguntado na coletiva se ele gostaria de estar em campo diante da Caldense, nesta quarta-feira, pela última rodada da primeira fase do Estadual Robinho foi categórico ao responder.

-Eu quero jogar. Sei que serão muitos jogos seguidos, mas quero estar em campo. A gente vem conversando sobre sequência pesada, o Mano vem procurando evitar que a gente faça cinco, seis jogos em pouco tempo, mas eu quero estar em campo- disse sorrindo o meia.

-A pré-temporada foi curta, mas o planejamento foi para a gente chegar neste momento bem, tanto tática quanto técnica e fisicamente. Estamos bem, o entrosamento melhorou bem. O Mano já dosou o grupo nesta primeira fase. Agora é a hora de pegar um pouco mais de ritmo- complementou.

Além de garantir a vantagem nas quartas de final e na semifinal, o jogo desta quarta-feira pode significar uma boa sequência para a equipe segundo Robinho. O meia entende que a competição estadual está chegando na sua fase principal e que o time precisa se preparar para as decisões que terá pela frente.

-Agora é hora de aumentar o ritmo, evoluir em algumas coisas. E este jogo agora é o momento de fazer isso. Vamos ter jogos decisivos pela frente e é buscar fazer um bom jogo para seguir fortes. Temos de estar atentos, pois agora não dá mais para errar. Se você errar, não passa. Vamos procurar o menos possível", destacou.

Questionado sobre a invencibilidade do Cruzeiro na temporada e se a defesa seria a principal arma do Clube para manter tantos jogos invictos, Robinho tratou de valorizar todo o grupo de jogadores e fez um alerta à equipe.

-O sistema defensivo é forte quando o meio-campo ajuda a marcar, quando o ataque ajuda. Está todo mundo correndo muito e por isso estamos bem. Nosso time está jogando bem, temos um grupo bom. Mas vamos perder, faz parte. Ano passado estivemos invictos no Mineiro até a final. E isso quase custou o título. Então, é importante, mas a gente sabe que é difícil- finalizou.



Crédito da foto :: Vinnicius Silva/Cruzeiro / Foto: Lance!
Você e mais 133 mil pessoas estão recebendo esta matéria por sistema de Whatsapp. Se não quiser continuar recebendo mande solicitação de retirada do seu nome da listagem.

Biblioteca