Tradicional, comércio do bairro Barris em Salvador, é aquecido após requalificação de ruas importantes - Observador Independente

Acontecendo

Post Top Ad

Bem-vindo. Hoje é

Post Top Ad

Mário

25 de março de 2019

Tradicional, comércio do bairro Barris em Salvador, é aquecido após requalificação de ruas importantes


Se você é consumidor assíduo do comércio da Rua do Salete e Ladeira dos Barris já percebeu a requalificação da área feita pelo projeto “Pelas Ruas do Centro Antigo de Salvador”, do Governo do Estado. O projeto está beneficiando 315 ruas da região, que foi dividida em cinco lotes, com obras sendo executadas, simultaneamente, em diferentes pontos.

A Rua do Salete e Ladeira dos Barris, por exemplo, fazem parte dos lotes 2 e 3, respectivamente, que ainda reúne mais 17 vias do bairro dos Barris. No lote 2, além do Salete, mais cinco ruas serão contempladas. São elas: Conselheiro Junqueira Ayres, Portão da Piedade, General Labatut, Direita da Piedade e Mesquita dos Barris, totalizando seis vias.

Já no lote 3, mais 13 ruas dos Barris foram beneficiadas, todas com serviços já concluídos. Além da Ladeira dos Barris, o projeto também beneficiou as seguintes localidades: as ruas Dionísio Cerqueira, Almeida Sande, Theodoro Sampaio, Conselheiro Spínola, Travessa dos Barris, Alegria dos Barris, Rockfeller, Professor França, Comendador Gomes da Costa, 1ª. Travessa Almeida Sande, Doutor João Ribeiro Caldas e Avenida Andrade dos Barris.

O lote 2 e é formado ainda pelos bairros do Centro, Dois de Julho, Politeama e Nazaré, onde 91 vias serão contempladas. Um investimento de R$ 42,9 milhões. Nessas localidades, já foram realizadas as requalificações de 49 vias. Além delas, nove estão sendo executadas e vão ser iniciadas as obras em mais 33 ruas.

O lote 3 também é formado pelos bairros da Saúde, Santo Antônio Além do Carmo, Tororó e Liberdade, onde 116 ruas estão sendo beneficiadas, com serviços concluídos em 82 vias e obras a iniciar em 34 localidades. O valor investido neste lote é R$ 27,5 milhões. Toda a ação é executada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder), órgão vinculado à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Urbano (Sedur).

Beatriz Felipo, de 43 anos, proprietária de um estabelecimento na Ladeira dos Barris, conta que o movimento melhorou depois da requalificação no local. “Antes o que parecia era que os clientes evitavam passar por aqui, por causa dos problemas na calçada. Agora, com essas mudanças, a circulação está melhor e até mais seguro”.

O vendedor Bruno Rodrigues, 27, relembra como era o local antes das mudanças. “Como é uma ladeira, a situação piora, principalmente porque é um bairro com muitos idosos morando. A degradação de antes dificultava a locomoção deles, que precisam de um chão mais nivelado porque andam de muletas ou não tem tanta força”.

“Antes do trabalho de campo, realizamos previamente um estudo de cada via, onde verificamos as instituições presentes nas ruas que iremos visitar e onde a obra será realizada. Durante a mobilização, além de apresentar de forma geral o projeto, colhemos informações de cada instituição e dos moradores. É o momento que conhecemos aspectos importantes, a exemplo de morador que precisa de cuidados especiais”, esclarece a técnica da equipe do social da Diretoria do Centro Antigo de Salvador (Dircas/Conder), Candice Libório.

PELAS RUAS

As intervenções estão melhorando o acesso das pessoas a diversos pontos do Centro Antigo de Salvador, bem como tornando mais confortável a mobilidade por ruas, praças e travessas. Os bairros próximos foram interligados por cinco lotes, sendo quatro com obras já iniciadas. Ao todo serão investidos R$ 124 milhões para a melhoria da acessibilidade com a pavimentação de vias e requalificação de calçadas.


Crédito da Foto: Carol Garcia/GOVBA


Post Top Ad

SCB