Vera Cruz :: Prefeitura ignora baixa no turismo e faz gastança em evento de verão; suspeita é de desvio e corrupção - Observador Independente

Acontecendo

Post Top Ad

Bem-vindo. Hoje é

Post Top Ad

Mário

29 de março de 2019

Vera Cruz :: Prefeitura ignora baixa no turismo e faz gastança em evento de verão; suspeita é de desvio e corrupção


Com uma população estimada em 2018 de 42 mil habitantes, o município de Vera Cruz sediou, entre os dias 7, 8 e 9 deste mês, o evento Bye Bye Verão. Moradores alertaram a reportagem para o montante gasto pelo poder público na realização do evento, que reuniu nomes como Caetano Veloso, Leo Santana, Harmonia do Samba, dentre outros.

Em levantamento feito junto ao Diário Oficial do Município de Vera Cruz, o site BNews de Salvador constatou que foram gastos R$ 668 mil em atrações musicais e infraestrutura para o evento.

Pelo serviço de planejamento, gestão, organização, operacionalização, assessoramento e produção do Bye Bye Verão, a prefeitura gastou R$ 16,5 mil com a empresa Sete Gestão e Consultoria. Uma contratação feita para a festa e outros eventos do calendário do município envolveu R$ 6,9 mil com a empresa DRM - Comércio de Equipamentos, que faz locação de rádio portátil de comunicação e detectores de metais.

Entre as atrações contratadas, Caetano Veloso, que se apresentou dia 9, foi o que recebeu o maior cachê: R$ 190 mil. O artista foi contratado via Associação de Músicos, Mascarados e Bandas Musicais da Bahia. A mesma associação foi responsável pelo contrato da Orquestra Musical, que se apresentou no três dias da festa por R$ 16,2 mil.

Leo Santana subiu ao palco dia 8 e recebeu R$ 150 mil. O contrato foi firmado com a Salvador Produções. Contratado por R$ 130 mil via HS Eventos e Produções Artísticas, o Harmonia do Samba se apresentou no dia 7.

O Olodum, contratado via Paulo Roberto Vieira de Moraes, recebeu R$ 90 mil.

Ao cantor Hiago Danadinho, a prefeitura pagou R$ 37 mil no contrato com a SP Entretenimentos. O DJ Diego Fragoso recebeu R$ 32 mil por meio da Brazil Scouting Center Produções Artísticas.

De acordo com a prefeitura de Vera Cruz, os recursos aportados na folia saíram dos cofres do município e da Bahiatursa. A cervejaria Proibida participou como parceira na parte logística. Confira a nota enviada pela prefeitura:

O investimento da prefeitura no Bye Bye Verão se comporta como um catalizador de negócios, afinal apenas no período da festa, circularam em Vera Cruz mais de 2 milhões de reais, em diversos segmentos: vestuário, alimentação, bebidas e hotelaria. Tivemos 100% dos leitos ocupados no período, além dos imóveis que são alugados por veranistas e turistas. 

Mais de 130 mil pessoas participaram do evento, em três dias, segundo a Polícia Militar, sem ocorrências graves, o que consolidou a terceira edição da festa. Desta forma, a prefeitura acredita que o montante investido, com apoio estrutural de uma cervejaria e financeiro da Bahiatursa, é de grande importância para firmar ainda mais o nome de Vera Cruz como destino turístico nacional e internacional.



As informações são do site BNews / Foto reprodução

Post Top Ad

SCB