Garoto de 16 anos é morto após sair de casa com teste de gravidez, em Feira de Santana - Observador Independente

Garoto de 16 anos é morto após sair de casa com teste de gravidez, em Feira de Santana

Compartilhar

O jovem foi identificado Rodrigo da Silva Santos.


Um adolescente de 16 anos foi assassinado com cinco tiros por volta das 8h30 desta quinta-feira (25), no bairro Sítio Novo, em Feira de Santana. O corpo foi encontrado próximo a um terreno baldio, na Rua Ana Rosa.

Segundo a polícia, não foram encontradas testemunhas no local do crime. O jovem foi identificado Rodrigo da Silva Santos, que morava na localidade Adelba, no bairro Papagaio.

A mãe da vítima, Ivoneide Nascimento da Silva, esteve no local e apontou uma garota como suspeita de envolvimento no crime. Segundo ela, o adolescente saiu de casa com um teste de gravidez dizendo que iria se encontrar com a jovem.

“Meu filho foi se encontrar com essa pessoa e poucas horas depois foi assassinado. Eu quero justiça. Ele tinha um ano com ela. Eu o vi hoje de manhã, ele tomou banho, colocou as roupas numa mochila, pegou a chave na casa do meu irmão e um teste de gravidez e saiu dizendo que ia se encontrar com ela, perto do lugar onde ela mora. Ele chegou a receber ameaça dela. Ela falava que não queria mais ele, que era para ele seguir a vida, que estava com outra pessoa e que a outra pessoa ia matá-lo”, relatou.

Ivoneide disse ao Acorda Cidade também que uma mulher deu a notícia da morte do filho. “Eu estava em casa uma mulher me chamou, disse sente aqui, eu já fiquei toda estranha e perguntei o que estava acontecendo e ela disse: ‘Mataram teu filho lá no Diadema’. Eu nem acreditei, quando eu chego ali, olho no WhatsApp era a foto dele mesmo. Ontem ela (ex-namorada) me ligou dizendo que estava endemoniada ai eu falei para ela ler a bíblia, o Salmo 91, e quando é hoje acontece isso com meu filho, mas eu perdoo quem fez isso”, disse.

Ivoneide informou também que ele era usuário de drogas. O delegado Luís Osório de Melo Nobre efetuou levantamento cadavérico juntamente com peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Com informações do repórter Aldo Matos / Foto enviada via WhatsApp

Post Bottom Ad

VivaABahia