Suspeito de participar de atentado contra gêmeos percussionistas há três anos é preso em Salvador - Observador Independente

Acontecendo

Post Top Ad

Bem-vindo. Hoje é

Post Top Ad

Mário

12 de abril de 2019

Suspeito de participar de atentado contra gêmeos percussionistas há três anos é preso em Salvador

Na época, uma das vítimas, conhecida como Jó, morreu e irmão ficou ferido. Suspeito foi surpreendido com comparsas durante ação policial nesta semana.


Um jovem de 20 anos suspeito de participar do atentado contra os gêmeos percussionistas Eduardo Josino e Josino Eduardo Santos Rodrigues, há três anos, foi preso, na noite da quarta-feira (10), em Salvador.

O atentado ocorreu em março de 2016, no bairro de Brotas. Na época, Josino, que era conhecido como Jó, morreu, e o irmão ficou ferido, junto com Marivaldo Lima Santos, 48 anos, que também foi baleado na ação.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), o suspeito do crime, identificado como Jackson Neres da Silva, o "De Menor", tem participação direta na venda de entorpecentes, em homicídios, roubos, entre outros crimes na região de Brotas, desde a adolescência.

O suspeito foi surpreendido durante uma ação policial, entre os bairros de Pau da Lima e Sete de Abril. Além dele, outros dois comparsas, que não têm relação com o atentado, foram presos.

Com o trio, segundo a SSP, foram apreendidos um revólver calibre 38, munições, 29 trouxas de maconha, 22 pinos de cocaína, balança, embalagens plásticas, celulares e um veículo modelo Uno.

O caso foi registrado no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).



Cédito da foto : Divulgação/SSP



Post Top Ad

SCB