Prefeitura participa de discussões sobre implantação de abatedouro móvel em Juazeiro - Observador Independente

Acontecendo

Post Top Ad

Bem-vindo. Hoje é

Post Top Ad

Mário

4 de maio de 2019

Prefeitura participa de discussões sobre implantação de abatedouro móvel em Juazeiro


Representando o prefeito Paulo Bomfim, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária Tiano Felix, participou nesta quinta-feira (02) e sexta-feira (03), no auditório do Espaço Plural da Univasf em Juazeiro, de reuniões para tratar da implantação de abatedouro móvel na zona rural do município.

O projeto que será implantando inicialmente em quatro municípios (Juazeiro, Casa Nova, Uauá e Dormentes), é uma idealização da Univasf e conta com a parceria das prefeituras municipais, da Fundação Brasil Meu Amor, do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), do Pró-Semiárido, dentre outros. De acordo com a pró-reitora da Universidade, Lúcia Marise, os agricultores buscaram o apoio da instituição para tentar findar o abate clandestino dos animais.

“Eles abatem nos fundos dos quintais, pois não têm condições de pagar o valor cobrado pelos abatedouros privados. A partir daí, buscamos apoio com a ‘Fundação Brasil Meu Amor’ que se dispôs a comprar os equipamentos maiores, como as carretas e os laboratórios. Também contamos com a parceria das prefeituras para a construção da estrutura que irá abrigar a carreta, bem como de outras instituições ligadas ao setor“, explicou.

Em Juazeiro estão sendo realizados estudos para identificar a melhor localidade para implantação da unidade. “Pretendemos futuramente, ampliar o projeto para os 17 municípios dos dois territórios Sertão do São Francisco Bahia e Sertão do São Francisco Pernambuco”, informou Lúcia. Na ocasião o médico veterinário do IPA, Paulo Nogueira explicou para os presentes o que consiste o abatedouro.

“Teremos a carreta com equipamentos necessários para o abate dos animais, dentro dos requisitos legais estabelecidos pela vigilância sanitária. A mesma ficará numa estrutura fixa composta por um curral, sala com equipamentos de refrigeração, sumidouro, dentre outros. A vantagem é que o abatedouro móvel pode se deslocar por varias localidades, permitindo o acesso a todos”, explicou.

Para o secretário Tiano Felix, a população irá ganhar com a implantação desse novo equipamento. “Nós do governo municipal, trabalhamos em prol do desenvolvimento do município e sempre buscamos apoiar todos os projetos que visam fortalecer o homem do interior. O abatedouro móvel será um grande ganho pra Juazeiro e região”, frisou.

Na ocasião também foram abordados assuntos relevantes sobre a cadeia da caprinovinocultura, bem como ficou definido a elaboração de um questionário junto aos produtores das localidades escolhidas, que resultará na identificação das potencialidades de produção e rentabilidade para a implantação dos abatedouros moveis.

Crédito da foto :: Lene Radina/ ASCOM ADEAP/Divulgação

Post Top Ad

SCB