SECRETÁRIOS ESTADUAIS DECLARAM INCOMPETÊNCIA @ Número de registros de feminicídios cresce na Bahia no início do ano - Observador Independente

Acontecendo

Post Top Ad

Bem-vindo. Hoje é

Post Top Ad

Mário

9 de maio de 2019

SECRETÁRIOS ESTADUAIS DECLARAM INCOMPETÊNCIA @ Número de registros de feminicídios cresce na Bahia no início do ano


Por outro lado, houve queda no registro de estupros (32,6%)

Dez casos de feminicídio foram registrados a mais neste ano na Bahia nos primeiros quatro meses do ano, em relação ao mesmo período do ano passado. 

Os números foram apresentados ontem (8), para a Comissão de Direitos da Mulher, da Assembleia Legislativa da Bahia, pelo secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Apesar do aumento na notificação dos feminicídios, houve queda no registro de estupros (32,6%). Foram 61 casos a menos de janeiro a abril, em relação ao mesmo período de 2018.

As reduções seguem para os crimes de tentativa de homicídio, de 144 para 117 (-18,8%), lesão corporal dolosa, de 6055 para 4565 (-34,6%), injúria, de 4410 para 3534 (-19,9%), e ameaça de 12.554 para 9874 (-21,3%).

" As reduções mostram que os nossos esforços estão surtindo efeito, mas não podemos deixar de notar que apesar da diminuição, ainda são números altos. Precisamos educar nossas crianças, conversar sobre respeito, limites, fazer dos nossos jovens adultos conscientes sobre a igualdade de gênero. O machismo não é uma cultura do baiano. É infelizmente uma realidade nacional", lamentou o secretário da SSP.

Além dos índices criminais, a estrutura oferecida pelo governo estadual para a prevenção e repressão à violência doméstica também foi apresentada às deputadas da comissão. São 15 Delegacias Especiais de Atendimento à Mulher (Deams) espalhadas no estado, assim como 15 representações da Operação Ronda Maria da Penha.

Nas fotos - Olívia Santana e Mauricio Barbosa / Foto :Alberto Maraux/ SSP-BA

Post Top Ad

SCB