Milton Gonçalves processa Paulo Betti por racismo durante disputa em sindicato - Observador Independente

Milton Gonçalves processa Paulo Betti por racismo durante disputa em sindicato

Compartilhar

Os atores Milton Gonçalves e Jorge Coutinho, ambos de 85 anos, estão processando o também ator Paulo Betti, de 66 anos, por racismo. A ação corre na 33ª Vara Criminal do Rio de Janeiro.

Os autos do processo, acessados pela Folha de São Paulo, apontam que Betti faz parte de uma chapa criada para concorrer a presidência do Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do Estado do Rio de Janeiro, entre os dias 29 de julho e 1º de junho. A chapa de Betti será adversária de Milton e Jorge, que são presidente e diretor-geral, respectivamente. Ao lado de Betti, a chapa tem Tonico Pereira, Zezé Polessa; Júlia Lemmertz.

Os três atores estão no grupo de WhatsApp "Profissão Artistas", onde Betti publicou uma mensagem de campanha. O texto dizia que Milton, Jorge, e uma terceira pessoa de nome Cosme, estão "há muito tempo" na diretoria do sindicato, com uma "forte representação negra", o que "complica bastante a luta, pois pode confundir as coisas".

Crédito da Foto: Uol

Post Bottom Ad

Apostilas Opção