SANTO ANTº DE JESUS @ Servidores públicos em campanha salarial aceitam proposta da prefeitura e greve está descartada - Observador Independente

SANTO ANTº DE JESUS @ Servidores públicos em campanha salarial aceitam proposta da prefeitura e greve está descartada

Compartilhar

Aconteceu na manhã desta quarta-feira, 12, na Câmara de Vereadores do município, assembleia geral dos servidores públicos de Santo Antônio de Jesus, Recôncavo baiano, 230 km de Salvador, quando decidiram aceitar a proposta da prefeitura que propôs aumento real de 4% para o salário e 10% para auxílio alimentação. Com a decisão da assembleia nesta quarta-feira, está descartada a possibilidade de greve geral da categoria. 

💫💫💫

Os servidores públicos do município de Santo Antônio de Jesus, estão na 3º Campanha Salarial. Ao longo dos últimos 45 dias entre oito e dez reuniões com representantes da prefeitura já aconteceram. De início os servidores queriam aumento real de 8%. 

O Advogado do Sindicato dos Servidores, Márcio Soares Garcia explicou as dificuldades para uma possível decretação de greve, uma vez que há possibilidades de judicialização da questão e até mesmo o prefeito argumentar que outras municípios concederam aumento de salários aos seus servidores abaixo do esperado. 
Da Tribuna, e sem microfones, o Advogado Marcio Soares Garcia, com grande dificuldade explicou detalhadamente as questões legais envolvidas em caso de decretação de uma possível greve

Segundo ele,
Há sim a possibilidade de judicialização, considerando que os municípios de Irecê, concedeu aumento de 4,7%, Juazeiro, 3%, de reajuste e 4% de auxilio alimentação, Eunápolis, 4%, sem aumento do AA, e Salvador que concedeu apenas 1,25%. É importante ressaltar que a exceção da capital baiana, todas as demais cidades são do mesmo porte em nível de habitantes que Santo Antônio de Jesus,
 disse

A presidente do SINDSERVI, Sheyla Suely disse que, 
A Presidente do SINDSERVI explicou sobre a deliberação e a urgência necessária para a aprovação ou não pela assembleia da proposta oriunda da prefeitura, por conta da folha de pagamento estar sendo fechada, com ou sem o aumento dos servidores

Nas várias reuniões que tivemos com representantes da administração, foi solicitado aumento real de 8%. O prefeito ofereceu 3,75%. Não aceitamos. Hoje trouxemos outra proposta, a de 4% de aumento de salários e 10% no Auxílio Alimentação, que será escalonado. Vamos debater na assembleia. Já tivemos uma grande conquista que foi o aumento do AA,
comentou.

Ainda segundo Sheyla, neste mês já será pago o aumento de salário. O retroativo será calculado e entrará na folha de pagamento em três parcelas iguais. 

O Advogado Marcio Soares Garcia esclareceu ainda, que a assembleia de hoje é decisiva, considerando que a prefeitura não poderá conceder aumento sem que haja a respectiva autorização da Câmara de Vereadores, e que esta deverá ser convocada extraordinariamente para votar o aumento dos servidores por conta que até o dia 15 a folha deverá estar fechada já com o aumento concedido. 

Com as deliberações da assembleia desta quarta-feira, 12, está descartada a possibilidade de greve geral dos servidores públicos do município. 

Os vereadores Pedro Lopes Ribeiro (Pedro de Teca – PSD) e Francisco de Assis Lima Damasceno (Chico de Dega – DEM), participaram da assembleia.

Veja o vídeo com as explicações do Advogado Marcio Soares Garcia.



Post Bottom Ad

VivaABahia