Ministério Público cobra explicação sobre acidente de ônibus que deixou 27 feridos em Salvador - Observador Independente

Ministério Público cobra explicação sobre acidente de ônibus que deixou 27 feridos em Salvador

Compartilhar

Promotores querem saber as condições mecânicas e de segurança dos coletivos usados pela OT Trans.

O Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) instaurou um inquérito para cobrar explicação do Consórcio Integra em relação ao acidente de ônibus que deixou 27 pessoas feridas, após capotar na região do Cabula, na capital baiana, no início de junho.

Os promotores também querem saber as condições mecânicas e de segurança dos coletivos usados pela OT Trans, além da capacidade técnica dos motoristas. O questionamento que foi divulgado na última terça-feira faz parte do Procedimento Preparatório de Inquérito Civil. A empresa tem 20 dias para responder.

Segundo o documento do MP-BA, “a empresa concessionária Integra OT Trans não presta serviços adequados, colocando em risco a segurança e integridade física de seus passageiros diários”. Por esse motivo, enxerga a “necessidade de se averiguar as condições mecânicas e de segurança dos ônibus utilizados pela empresa, bem como a capacidade técnica dos profissionais que conduzem tais veículos, a fim de conferir potenciais riscos à vida, saúde e segurança dos consumidores”.


Foto: Bruno Concha / Secom

Post Bottom Ad

Apostilas Opção