Taxista suspeito de matar colega no bairro Campo Grande em Salvador confessa o crime e é liberado da delegacia - Observador Independente

Acontecendo

Post Top Ad

Bem-vindo. Hoje é

Post Top Ad

Mário

27 de agosto de 2019

Taxista suspeito de matar colega no bairro Campo Grande em Salvador confessa o crime e é liberado da delegacia





O taxista Washington Luiz Brito Almeida, apontado como autor da morte do seu próprio colega de trabalho, se apresentou acompanhado de um advogado na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no bairro da Pituba, em Salvador. A informação foi confirmada na tarde desta terça-feira (27/8) pela própria Polícia Civil. 

Washington, de acordo com as investigações, matou Alexsandro Rocha Souza, 40 anos. O crime aconteceu no último dia 20 no bairro do Campo Grande, na fila dos taxistas. Colegas da vítima e do suspeito contaram que Washington alugava o seu veículo para Luiz. Minutos depois de um desentendimento por conta de multas e outros valores não honrados pelo locatário ocorreram os tiros.

Na delegacia, ainda segundo a Polícia Civil, o suspeito confessou o crime e apresentou a arma que teria sido usada no homicídio. Ele alegou legítima defesa - quando tudo é praticado para se defender de alguma ameaça -. Mesmo assim, Washington saiu pela porta da frente do DHPP, já que dois dos três pedidos de prisão elaborados pelo DHPP não foram acatados pela Justiça. O terceiro está em análise.



Crédito da Foto: Daniela Mazzei/TV Aratu

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

Post Top Ad

SCB