Guarani bate o Operário-PR e se aproxima de permanência na Série B - Observador Independente

Acontecendo

Post Top Ad

Bem-vindo. Hoje é

Audima

16 de novembro de 2019

Guarani bate o Operário-PR e se aproxima de permanência na Série B



Neste sábado, pela 36ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o Guarani venceu o Operário-PR por 1 a 0 e se distanciou de vez da zona do rebaixamento. A vitória veio com gol de pênalti de Diego Cardoso, ainda no primeiro tempo.



Agora o Bugre soma 44 pontos e ocupa a 11ª colocação na tabela. Por outro lado, o Fantasma fica estacionado com 49 pontos na nona colocação. A equipe de Ponta Grossa também não tem mais chances de alcançar o acesso.

Com a permanência na Série B praticamente assegurada, o Guarani volta a campo na sexta-feira, às 21h30, quando recebe o América-MG em Campinas. Já o Operário cumpre tabela contra o Vitória, na terça-feira, às 21h30, no Germano Krüger.

Precisando do resultado, o Guarani foi o dono das ações no primeiro tempo. Ainda assim, nos minutos iniciais o Operário também teve boas chances com Índio e Rafael Chorão.

Em chegada perigosa, aos 33, Rondinelly foi derrubado dentro da área e o árbitro assinalou pênalti para o Bugre. Na cobrança, Diego Cardoso bateu com categoria e abriu o placar no Brinco.

Na segunda etapa, o Bugre quase viu a situação complicar aos 14 minutos, quando Marcelo acertou a sola nas costelas de Maílton e recebeu o cartão vermelho. Poucos minutos depois, o próprio Maílton bateu falta perigosa e ficou perto de igualar o placar.

Com um jogador a mais, o Operário-PR passou a dominar a partida, mas não conseguia furar a defesa do Guarani. Quando tinha a bola, o Bugre matava o tempo no campo de ataque, sem se arriscar. E assim conseguiu segurar a vitória pelo placar mínimo.

FICHA TÉCNICA

GUARANI 1 X 0 OPERÁRIO-PR

Local: Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP)
Data: 16 de novembro de 2019, sábado
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)
Assistentes: Thiago Henrique Neto Correa Farinha e Lilian da Silva Fernandes Bruno (ambos do RJ)
Cartões amarelos: Lenon, Arthur e Marcelo (Guarani); Rodrigo, Jardel, Rafael Chorão e Lucas Batatinha (Operário-PR)
Cartões vermelhos: Marcelo (Guarani)
Gols: Diego Cardoso, aos 33 do 1ºT (Guarani)

GUARANI: Jefferson Paulino; Lenon, Bruno Silva, Luiz Gustavo e Thallyson; Marcelo, Lucas Crispim, Rondinelly (Ricardinho) e Arthur; Davó (Deivid) e Diego Cardoso (Nando)
Técnico: Thiago Carpini

OPERÁRIO-PR: Rodrigo Viana (André Luiz); Mailton (Eduardo), Lázaro, Rodrigo e Allan Vieira; Jardel, Índio (Felipe Alves), Marcelo, Rafael Chorão e Felipe Augusto; Lucas Batatinha
Técnico: Gerson Gusmão



Foto: Matheus Lima/Gazeta Press

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->