Operação policial no sul da Bahia prende 12 suspeitos de atuar no tráfico de drogas - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

18 de dezembro de 2019

Operação policial no sul da Bahia prende 12 suspeitos de atuar no tráfico de drogas




Ação ocorreu na manhã desta quarta-feira (18), em Itabuna e Camacan. Dos 12, seis já estavam detidos no presídio de Itabuna.




Uma operação policial realizada na manhã desta quarta-feira (18), em Camacan e Itabuna, no sul da Bahia, prendeu 12 pessoas suspeitas de integrar quadrilha de tráfico de drogas. Do total de presos, seis já estavam detidos no presídio de Itabuna e tiveram mandados cumpridos na unidade.

Segundo informações levantadas junto à delegacia de Polícia Civil de Camacan, a Operação Hakin vinha investigando desde 21 de agosto de 2018 o grupo.

De acordo com a polícia, além do tráfico, os integrantes da quadrilha também realizavam furtos, roubos a mão armada e homicídios, determinados pelos chefes, identificados como Raniere Santos Ribeiro Leal e Genildo Rodrigues Santos, que já estavam presos no presídio de Itabuna.

Ainda segundo a delegacia de Camacan, os dois fizeram uso de menores, além de terem realizado intimidações com violência, grave ameaça e emprego de arma de fogo. causando pavor à comunidade.

Além de Reniere e Genildo, foram presos Valdeir Alves da Silva, Bismark Paixão Santos, Alex Nascimento de Oliveira, Fabrício Eden dos Santos Guedes, Carine Ribeiro dos Santos, Cassia Iaiana Oliveira Conceição, Thais Souza Ferreira, Nádia Caline Oliveira da Silva, Leandro Silva Nascimento e Sandro Rocha da Silva.

Foi atribuída ao grupo ainda a instituição de toque de recolher em Camacan, além de vários crimes de homicídio.

Os seis primeiros presos encontram-se internos por outros motivos no Presídio de Itabuna-Ba.

Alex e Fabrício também já estavam no presídio de Itabuna por terem invadido a delegacia de Pau Brasil para libertar um preso. Na ação, eles atiraram contra um carcereiro, que sobreviveu ao ataque.



Foto: Divulgação/Delegacia de Camacan

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->