Vacina da Covid-19 começará a ser produzida no Brasil ainda em junho, diz CEO de companhia farmacêutica - Observador Independente

Acontecendo

QRCode

10 de junho de 2020

Vacina da Covid-19 começará a ser produzida no Brasil ainda em junho, diz CEO de companhia farmacêutica



Informação foi divulgada pelo site da revista Exame.



O presidente da AstraZeneca do Brasil, Fraser Hall, que é a companhia farmacêutica responsável pela produção em larga escala da vacina da Covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford, afirmou em entrevista à revista Exame que nosso país receberá a produção em larga escala do antídoto ainda no mês de junho.

“Nosso plano é produzir globalmente a vacina entre o final deste mês e o início de julho, em escala. Se fizermos isso teremos 400 milhões de doses iniciais no final de setembro, começo de outubro”, disse Hall. As doses chegarão ao Brasil antes mesmo do término do período de testes clínicos da vacina, que tem duração de um ano.

A fase 3 dos testes envolvendo o antídoto (a qual está sendo realizada no momento) testará um total de 50 mil pessoas no mundo, e a expectativa é que 2 mil dessas sejam brasileiras. A AstraZeneca mantém conversas com o Ministério da Saúde para definir a quantidade e o dia de chegada das doses.

A companhia farmacêutica e a pasta ainda discutem a produção da vacina no Brasil. A expectativa, segundo Hall, é que os testes tenham seus resultados divulgados no final do mês de agosto, para que, caso o resultado seja positivo, no mês de setembro a aplicação seja liberada.



Foto: Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->