Apesar de interditada, praia de Salvador amanhece cheia de lixo - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

27 de julho de 2020

Apesar de interditada, praia de Salvador amanhece cheia de lixo



Situação ocorreu na praia de Jardim de Alah. Praias da capital baiana estão interditadas desde março, após medidas da prefeitura de combate à Covid-19.




Rótulo de bebidas, sacos, copos e garrafas plásticas foram encontradas na manhã desta segunda-feira (27), na areia da praia de Jardim de Alah, em Salvador.

O acúmulo de lixo na areia surpreende, já que as praias de Salvador estão interditadas desde março, quando a prefeitura adotou a medida como forma de combate ao avanço da Covid-19.

Apesar da liberação de funcionamento do comércio, as praias de Salvador seguem interditadas. As pessoas, além de sujarem a praia, desobedeceram as regras municipais na ida à praia no sábado (25) e domingo (26), quando Salvador teve aberturas de sol.

Algumas praias de Salvador estão cercadas com tapumes e até pedaços de madeira com arame, mas outras, devido a extensão, não podem ser "fechadas" e, por isso, as pessoas acabam descumprindo a proibição.

Nessas praias, a Guarda Civil Municipal (GCM) tem atuado mediante denúncia da população, para evitar aglomerações. A denúncia pode ser feita pelo site do Fala Salvador, do e-mail ou redes sociais da ouvidoria.



 Foto: Danilo Ribeiro/ TV Bahia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->