Grupo coloca cruzes em praça de Valença, na BA, e alerta para o número de mortes pela Covid-19 na cidade - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

20 de julho de 2020

Grupo coloca cruzes em praça de Valença, na BA, e alerta para o número de mortes pela Covid-19 na cidade




Trinta e seis cruzes foram colocadas na Praça da República, localizada no município. Protesto é para conscientizar população para a doença, que atinge mais de 120 mil baianos.


Um grupo da Segunda Igreja Batista em Valença, no baixo-sul da Bahia, colocou 36 cruzes na Praça da República para alertar a população quanto ao número de mortes pela Covid-19 na cidade.

O protesto foi iniciativa do Pastor Fabrício Moreira, após ver a notícia de que a ONG Rio de Paz cavou 100 covas rasas na areia da Praia de Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeira, simbolizando as mortes pela Covid-19 no país.

Segundo o pastor, quatro pessoas contribuíram para pôr em prática a manifestação. A montagem aconteceu na manhã desta segunda-feira (20), e contou com 36 cruzes distribuídas em um canteiro da Praça da República, que foi o local escolhido por ter grande circulação de pessoas e veículos. O número é para representar o total de mortes pela doença em Valença.

“A ideia é chamar atenção da população, das pessoas, para a necessidade de uma conscientização maior, de uma mobilização de todos no combate ao vírus, pois temos visto muita gente ainda levando o caso na brincadeira, fazendo festa, muitas sem fazer o uso de máscara, gente, inclusive, com Covid pelas ruas”, conta.

Segundo os dados do boletim epidemiológico, divulgados no domingo (19) pela prefeitura, Valença registra 970 casos confirmados pelo novo coronavírus, com 36 mortes.



Foto: Wendel Lobão/G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

Vagas emprego para todo o Brasil

-->