Lojistas estão confiantes nas vendas online para o Dia dos Pais em Sergipe - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

31 de julho de 2020

Lojistas estão confiantes nas vendas online para o Dia dos Pais em Sergipe



Apesar disso, existe a expectativa de que o governo do Estado flexibilize a abertura de shoppings e Centro da Cidade.



Um ano totalmente atípico e desafiador. Assim pode-se definir 2020 diante da pandemia da Covid-19 instalada no mundo desde o mês de março, quando, forçosamente, as pessoas tiveram que permanecer em suas casas e evitar aglomeração.

Diante disso, os governos também tomaram uma série de medidas com o intuito de conter a propagação do vírus e não colapsar os sistemas de saúde, tanto público quanto privado. Vale ressaltar que, ainda assim, algumas cidades viveram essa realidade, a exemplo de Manaus e Fortaleza.

No âmbito empresarial, lojistas tiveram que se readaptar e apostar em uma nova forma de chegar até o cliente. Para tanto, as redes sociais e as vendas on-line tiveram um crescimento avassalador, principalmente diante de datas consideradas picos de vendas para o comércio, a exemplo da Páscoa, do Dia das Mães e dos Namorados.

Para o Dia dos Pais, a realidade permanece a mesma. O setor vem se preparando para atingir ainda mais clientes e garantir um bom fluxo nas vendas, mesmo diante da pandemia.

O vice-presidente da Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (Acese), Robson Pereira, acredita que a queda nas vendas é inevitável, porém, o investimento na venda digital deve amenizar os prejuízos e fazer a diferença para os lojistas.

“É uma data especial onde o pai é a referência. Por isso, é comum dar de presente roupas, calçados, ferramentas e assessórios. E para poder vender bem, quem comercializa esses itens está tendo que inovar e investir na venda pela internet com a possibilidade de entrega via delivery ou mesmo retirada na loja. É uma forma que os comerciantes estão encontrando para inovar diante da pandemia e não perder a oportunidade de fazer suas vendas em uma das grandes datas do comércio no ano. Infelizmente, deverá acontecer uma queda, mas aqueles que investirem no caminho digital poderão ter bons resultados”, avalia Robson.

Assim como em outras datas comemorativas ocorridas este ano, a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) não realizou o tradicional levantamento de expectativa de venda para o Dia dos Pais. Apesar disso, de acordo com o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Aracaju (CDL/Aracaju), Brenno Barreto, o empresário que não quiser ter perda grande nas vendas deve partir para o comércio em plataformas digitais.

“A CNDL não fez uma enquete de expectativa de venda percentual, justamente por conta da pandemia, assim como nas outras datas comemorativas, a exemplo da Páscoa, Dia das Mães e Dia dos Namorados. Não apontamos crescimento ou queda nas vendas para estas datas. O que percebemos é que existem algumas novas ideias ou combos e iniciativas que, assim como nas datas anteriores, deverão ser aplicadas agora. Você pode fazer uma venda toda online, através dos e-commerces ou até mesmo que antecipe ou acelere a venda tentando fazer, de acordo com cada segmento, a retirada do produto. Em cima desses modelos é que a gente vem apostando e tentando incentivar para não haver uma redução tão acentuada para a venda do Dia dos Pais”, pontua Brenno.

Mesmo com todo esse aparato e apelo para a venda digital, o que os comerciantes querem mesmo é a flexibilização na abertura dos seus negócios. De acordo com Brenno, o governador já dá sinais claros em relação à retomada das atividades.

“A expectativa é que o governador, como vem finalizando, possa ter o retorno da flexibilização, porém existe além do percentual de ocupação dos leitos de UTI o impeditivo dos Ministérios Públicos proibindo que o Governo volte a flexibilizar. Espero que a gente avance com o retorno da flexibilização. Na segunda-feira o governador recebeu para ouvir como estão se preparando os shoppings. Diante desses apontamentos, ele sinaliza que está discutindo com o seu comitê técnico essa possibilidade. A expectativa é boa, mas depende de um contexto geral”, finaliza o presidente da CDL/Aracaju.

|Por Diego Rios/Da equipe JC

||Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->