NOITE SANGRENTA 🚔 Em menos de 12 horas, Salvador tem 10 registros de homicídios; duas vítimas são mulheres🚔 - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

4 de outubro de 2020

NOITE SANGRENTA 🚔 Em menos de 12 horas, Salvador tem 10 registros de homicídios; duas vítimas são mulheres🚔



Noite sangrenta: em menos de 12 horas, Salvador tem 10 registros de homicídios; duas vítimas são mulheres.




Entre as 19h do sábado (3/10) e as 7h deste domingo (4/10), foram registrados nove homicídios em Salvador pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), além de uma vítima fatal após uma troca de tiros com a Polícia Militar (PM). Desses, seis foram registrados na madrugada deste domingo (4/10).

Entre as vítimas, apenas duas são mulheres e foram registradas no mesmo horário, as 0h12. Rosilene Souza Barbosa, de 40 anos, foi morta na Rua Oito de Dezembro, em São Gonçalo do Retiro, enquanto a outra mulher, cujo nome e idade não foram divulgados, veio a óbito no bairro de São Cristóvão, mais precisamente na Travessa Acalanto, em frente a uma idústria de Pães.

No começo da noite de sábado, dois jovens de 26 anos também foram vítimas de homicídio em via pública. Um deles é Jailson Araújo de Medeiros, que faleceu na Avenida Boa Vista do Lobato, às 19h41. A PM confirmou um homem morto no Lobato durante uma troca de tiros, mas este não foi em via pública e o crime foi descrito como ocorrido já no domingo (4/10), levando a crer que se trata de outra ocorrência. O outro jovem que consta no boletim da SSP é Tiago Soares da Conceição, assassinado na Rua Sergimirim, em Itacaranha, às 21h07.

Além desses, só há a identificação de mais uma vítima: Helder Batista de Farias, morto na Rua Colombo, próximo a um colégio em São Caetano. Sua morte foi registrada no sistema da SSP às 2h39.

O boletim aponta ainda um corpo no Dique do Tororó, na Avenida Vasco da Gama, próximo ao Hospital Hapvida. Não há informações se a vítima do sexo masculino foi encontrada dentro da água, nem se a causa da morte foi afogamento.

As outras ocorrências são de dois homens mortos em via pública: um deles em Narandiba, na rotatória do Hospital Juliano Moreira, às 21h56; outro na Avenida 29 de Março, no Jardim Nova Esperança, às 22h23. Completam a lista uma vítima do sexo masculino encontrada na Rua Luiz Régis Pacheco, no Uruguai, por volta de 0h14.

A SSP não divulgou se as pessoas morreram por disparos de arma de fogo, arma branca ou alguma outra forma. Todas as mortes terão autoria e motivação investigadas pela Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), da Polícia Civil.



Crédito da foto ::::: Ilustrativa / Ruas de Sangue / Extra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->