SANTO ANTº DE JESUS 😷 Candidato Christian Ferraz (PP), e outros não têm sequer Plano de Governo registrado junto à Justiça Eleitoral. Ou seja, não tem propostas! 😷 - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

2 de novembro de 2020

SANTO ANTº DE JESUS 😷 Candidato Christian Ferraz (PP), e outros não têm sequer Plano de Governo registrado junto à Justiça Eleitoral. Ou seja, não tem propostas! 😷



É certo que a população em qualquer cidade costuma polarizar as eleições — quando se trata de candidatos a prefeito — em duas pessoas ou grupos distintos.



Em Santo Antônio de Jesus, no recôncavo baiano, a disputa está acirrada entre as duas principais forças políticas representadas pelos candidatos, Genival Deolino com a Coligação Muda SAJ e Rogério Andrade (PSD). 

No total o município tem sete candidatos a prefeito, sendo que alguns deles só lançaram o nome para, digamos, compor e de última hora “serem chamados para acordos políticos”.

Analise a seguinte situação e tire conclusões com base em fatos registrados no TSE.

  • Dra. Lia Barroso, candidata pelo partido Solidariedade, recebeu R$ 70 mil de doações do partido e registrou o Plano de Governo, aquele documento no qual o candidato faz questão de deixar claro as suas propostas para o município; Dr. Everaldo Junior, PDT, recebeu R$ 63 mil de doação do partido e registrou o Plano de Governo;
  • Dr. Christian Ferraz (PP) recebeu apenas R$ 5 mil doados por ele mesmo — ou parente próximo devido ao sobrenome — e não registrou sequer o Plano de Governo, deixando claro que não tem nenhuma proposta para Santo Antônio de Jesus. Não houve doação do seu partido o que torna suspeita a candidatura do médico que em passado recente fez graves acusações contra o atual prefeito Rogério Andrade e o presidente da Câmara, vereador Antônio Barreto Nogueira Neto (PSB). Ao que tudo indica é uma candidatura apenas para “marcar terreno” para o PP e desestabilizar os demais candidatos. O tempo dirá;
  • As candidaturas do Dr. Robert Gomes, PTC e Edy, Patriota, são daquelas que é só para o cidadão dizer lá fora que “fui candidato a prefeito” já que não deram importância à documentação obrigatória e muito menos prestaram contas até então.

Às vésperas das eleições municipais em uma cidade das mais importantes da região, é hora do eleitor parar para analisar detidamente, não a cara do candidato, nem a sua desenvoltura linguística, mas as propostas e o que quer de fato para o município e como pretende tornar exequível as suas ideias. Alguns já deixaram claro que não sabem o que querem fazer se por acaso fossem eleitos.

NOTA TÉCNICA::::

1) Direito de resposta assegurado a qualquer dos nomes mencionados no mesmo espaço e tamanho de texto, conforme garantido pela legislação vigente.
2) Toda a documentação em que foi baseado este artigo é pública e você acessa AQUI



Foto :::: Reprodução TSE / Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->