Preso suspeito de matar dançarina "Luanny Grandona" no Cassange; vítima tinha 80 mil seguidores no Instagram - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sexta-feira, janeiro 22, 2021

Preso suspeito de matar dançarina "Luanny Grandona" no Cassange; vítima tinha 80 mil seguidores no Instagram



O homem apontado pela polícia como o autor do homicídio da dançarina Luane Bispo dos Santos, 23 anos, foi preso na manhã desta sexta-feira (22/1) na casa onde vivia, no bairro de Cassange, em Salvador.


A vítima, que era conhecida no Instagram como "Luanny Grandona", onde havia conquistado 80 mil seguidores, foi alvejada diversas vezes após uma festa do tipo "paredão" na última terça-feira (19/1). Ela chegou a ser socorrida para o Hospital Menandro de Faria, mas não resistiu.

Conforme a Polícia Civil, o crime ocorreu após uma discussão entre a vítima e o autor. Luane solicitou um carro por aplicativo, mas foi retirada do automóvel e recebeu os tiros. Inicialmente, houve a suspeita que ela poderia ter sido vítima de latrocínio - roubo com morte -, o que não foi confirmado .

Equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prenderam o suspeito, que acabou confessando o crime. Agora, ele se encontra à disposição da Justiça. Uma motocicleta encontrada no local, que teria sido utilizada no homicídio, foi apreendida e passará por perícia.

As equipes também investigam a participação de outra pessoa no crime.





Crédito da Foto: arquivo pessoal/Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->