TUDO POR DINHEIRO 💰💰💰 Eficácia de 78% da Coronavac é uma meia verdade, diz médico sanitarista💰💰💰 - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

13 de janeiro de 2021

TUDO POR DINHEIRO 💰💰💰 Eficácia de 78% da Coronavac é uma meia verdade, diz médico sanitarista💰💰💰




Da CNN, em São Paulo



O médico sanitarista Sérgio Zanetta avaliou, em entrevista à CNN nesta terça-feira (12), como uma "meia verdade" a eficácia de 78% da Coronavac apresentada na semana passada pelo Instituto Butantan. Hoje, o governo paulista divulgou a eficácia global do imunizante, que é bem menor: 50,38%.

A Secretaria de Saúde e a chefia do Butantan, contrariando o que se imaginaria que fizessem, apresentaram um número parcial. Eles escolheram o melhor número para apresentar. Sem nenhuma necessidade disso, pois a eficácia global da vacina estava boa, 

disse Zanetta.

"Nada justificaria esse comportamento, que, na minha opinião, foi inadequado. Não é mentira o que anunciaram há uma semana, mas é meia verdade. E, num momento em que há tantas dúvidas, a gente tem que dizer sempre a verdade", destacou o médico.


Resultado de eficácia da Coronavac, vacina produzida pela Sinovac e pelo Instituto Butantan, divulgado nesta terça-feira (12) pelo Governo de São Paulo
Foto: CNN Brasil / Dados do Instituto Butantan

Os dados preliminares do Butantan, revelados no último dia 7, indicaram eficácia de 100% para casos graves e moderados, e de 78% para os infectados que apresentaram casos leves.

Os números, no entanto, faziam parte de um recorte segmentado por casos e não é igual ao da eficácia global do imunizante, ou seja, a capacidade da vacina de proteger em todos os casos, sejam leves, graves ou moderados. 

Zanetta ainda ressaltou que a eficácia global para a Coronavac divulgada pelo Butantan refere-se somente ao estudo feito no Brasil.

"[Esse número] leva em conta que quem não tomou a vacina tem uma taxa de infecção e quem tomou vacina tem outra menor; a diferença entre as duas é o efeito medido do quanto a vacina pode proteger, que chamamos de eficácia. A eficácia global não é no mundo todo, é da pesquisa no Brasil", explicou Zanetta.



Foto :::: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->