Ford acusa sindicatos de Camaçari e Taubaté de greve ilegal - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

14 de fevereiro de 2021

Ford acusa sindicatos de Camaçari e Taubaté de greve ilegal




Por Raquel Landim, CNN


A Ford entrou com um pedido de liminar contra os sindicatos dos metalúrgicos de Camaçari (BA) e Taubaté (SP), com a alegação de promoção de greve ilegal.

A medida é uma reação da montadora após ter sido impedida pela Justiça do Trabalho de demitir funcionários antes de finalizar as negociações coletivas com os sindicatos.

Em janeiro deste ano, a Ford informou que deixaria de produzir veículos no Brasil e fecharia suas três fábricas. A montadora também possui uma unidade em Horizonte (CE).

A batalha jurídica levou a Justiça a promover duas audiências de conciliação entre a montadora e os sindicatos nesta sexta-feira (12), mas ainda sem resultados concretos.

A montadora alega que os sindicatos se recusam a negociar e que estão fazendo greve ilegal, porque grupos de trabalhadores foram convocados a fabricar peças de reposição, mas não compareceram.

Os sindicatos rebatem que a empresa não forneceu todas as informações necessárias sobre sua situação financeira e sobre a remuneração dos trabalhadores para que possam negociar um acordo em igualdade de condições. Em média, a Ford ofereceu bônus de 25 salários extras.

“Estamos negociando uma reparação pela saída da empresa do Brasil e não apenas uma demissão incentivada. É muito mais grave”, disse à CNN Júlio Bonfim, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari.

O sindicato de Taubaté afirmou que a Ford age de "má-fé, uma vez que não existe greve na fábrica". "Quem paralisou as atividades na unidade foi a montadora, e a própria empresa entrou com o dissídio coletivo de greve", disse em nota o sindicato.

Procurada, a Ford preferiu não comentar. Em nota, a empresa já havia informado que segue mantendo os contratos e o pagamento dos salários enquanto duram as negociações. As audiências prosseguem após o Carnaval.



Foto :::: Cenas de Cinema / Reprodução ilustrativa
Filme ::: Sindicato de Ladrões / 1954

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->