Homem mata mulher ao inserir 13 embalagens de camisinha em sua boca; ela teve o corpo carbonizado - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

12 de fevereiro de 2021

Homem mata mulher ao inserir 13 embalagens de camisinha em sua boca; ela teve o corpo carbonizado



A polícia identificou o responsável pela morte de Francisca Nunes Evaristo. Ela foi assassinada no último dia 15 de dezembro, em Juazeiro, no norte da Bahia, e a perícia do corpo atestou que havia 13 embalagens de preservativos masculinos dentro de sua boca, em uma tentativa de asfixiá-la. 



Depois, o corpo ainda foi carbonizado dentro da casa onde ela morava. O suspeito, que não teve o nome revelado, é o seu ex-companheiro. Ele já respondia a processos pela morte de quatro mulheres, três delas em Salvador e uma em Minas Gerais

Após o crime, foi emitido um mandado de prisão preventiva contra ele. De acordo com a apuração da delegacia local, dias antes da morte, Francisca tinha falado aos amigos que havia pedido que o suspeito fosse embora da sua casa, mas que ele havia respondido que só sairia caso ela lhe pagasse uma alta quantia em dinheiro.

O homem, que trabalhava no Mercado do Produtor da cidade, não compareceu ao trabalho no dia seguinte ao assassinato da vítima, que era vendedora de cocadas, e foi visto por testemunhas com uma bolsa nas costas, em direção a Petrolina, em Pernambuco. Ele está foragido.

Familiares dele informaram à polícia que o suspeito já havia matado outras quatro pessoas, todas do sexo feminino. Segundo estes relatos, ele costumava se aproximar de mulheres sozinhas, conquistar sua confiança e depois assassiná-las.


Crédito da Foto: Vivian Alecy/Aratu On

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->