Suspeito é preso por ataque a bar que terminou com homem morto e mulher ferida em Santo Amaro - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

18 de fevereiro de 2021

Suspeito é preso por ataque a bar que terminou com homem morto e mulher ferida em Santo Amaro




Suspeito foi preso na quarta-feira (17), mas crime foi cometido em novembro de 2020. Outros quatro homens já haviam sido detidos pelo caso e um outro morreu em uma ação criminosa.


Um homem foi detido por mandado de prisão, por envolvimento em um assalto que terminou com uma morte e uma tentativa de homicídio, em Santo Amaro, no Recôncavo Baiano. O suspeito foi preso na tarde de quarta-feira (17).

O crime que aconteceu em um bar que fica no povoado da Entrada da Pedra em novembro de 2020. De acordo com a delegacia de Santo Amaro, durante o cumprimento do mandado, o suspeito foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, porque entorpecentes foram encontrados na casa dele.

A polícia detalhou que o crime foi cometido por cerca de 10 homens, que estavam fortemente armados. Os suspeitos invadiram o bar no início da madrugada do dia 22 de novembro e assaltaram diversas pessoas que estavam no local.

Depois disso, eles dispararam armas de fogo para o alto várias vezes e, em seguida, passaram a atirar contra pessoas. Uma mulher foi atingida na barriga, foi socorrida para um hospital e sobreviveu.

Um outro homem, identificado como Alexsandro dos Santos Barros Félix, também foi baleado e não resistiu. A polícia detalhou que Alexsandro foi confundido com um suposto traficante rival e por isso teria sido morto.

Ainda de acordo com a delegacia da cidade, os outros suspeitos também foram identificados e tiveram mandado de prisão determinado pela Justiça. Ao longo do mês de fevereiro, alguns suspeitos foram presos pelas polícias Civil e Militar, mas as prisões foram mantidas em sigilo para não atrapalhar as investigações.

Com essa prisão, cinco homens já foram detidos pelo crime. Um sexto homem foi morto durante uma tentativa de extorsão mediante sequestro na cidade de Terra Nova, na última semana.

Em depoimento, os suspeitos disseram que cometeram o crime para vingar um comparsa que foi assassinado por traficantes rivais. As investigações seguem para prender os outros suspeitos.


Foto: Divulgação/3ª Coorpin Santo Amaro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->