Comércio de Salvador será reaberto de forma escalonada a partir do dia 5 de abril, anuncia prefeito Bruno Reis - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sexta-feira, março 26, 2021

Comércio de Salvador será reaberto de forma escalonada a partir do dia 5 de abril, anuncia prefeito Bruno Reis




O comércio de Salvador será reaberto de forma escalonada no dia 5 de abril, depois de uma restrição ainda maior. A informação foi dada pelo prefeito Bruno Reis (DEM), durante coletiva na manhã desta sexta-feira (26/3). Para justificar a decisão, o gestor apresentou números que apresentam uma queda de ocupação dos leitos de UTI e regulação da Covid-19. Hoje, cerca de 20 pessoas esperavam na fila por um internamento.
Meu desejo é retornar de vez, com shoppings e comércio de rua. As principais atividades serão retomadas, com escalonamento e dias alternados de funcionamento. Vou validar, por exemplo, shoppings não abrirem domingo e segunda. Vou validar essas decisões. Estou fazendo isso ouvindo as demandas. Em nenhum momento vocês viram prefeito falando diferente de governador, entrando em disputa, 

declarou Reis.

O chefe do Executivo Municipal anunciou ainda que, no escalonamento, atividades diferentes abrirão e fecharão em horários alternados, até para evitar aglomeração no transporte coletivo, a exemplo de ônibus e metrô.

"É diferente do Brasil, que está todo fechado. É um grande feito diante do cenário que estamos enfrentando. Na primeira onda, passamos quatro meses sem perspectiva de abertura, com uma gravidade muito menor que agora. Agora, depois de um mês, vamos reabrir as atividades com todos os protocolos. Até o meio da semana, vamos anunciar se é possível retornar todas as atividades ou se alguma eventualmente aguardará", completou.

O lockdown foi imposto em Salvador e Região Metropolitana no dia 26 de fevereiro. De lá para cá, foi prorrogado sempre às sextas-feiras.

Com o lockdown, ficam proibido eventos e atividades sociais, independentemente do número de participantes, ainda que previamente autorizados, que envolvam aglomeração de pessoas, tais como: eventos desportivos coletivos e amadores, cerimônias de casamento, eventos recreativos em logradouros públicos ou privados, circos, eventos científicos, solenidades de formatura, passeatas e afins, bem como aulas em academias.

Lojas e comércios de rua, bares, restaurantes, pizzarias, lojas de conveniência e similares, e shoppings e centros comerciais, também estarão fechados durante o lockdown. No caso de bares e restaurantes, o funcionamento é permitido apenas no formato delivery, até a meia-noite.

Além disso, todas as praias da capital baiana, clubes, parques municipais, campos e quadras públicas do município, além da Arena Aquática de Salvador, permanecerão fechados até segunda ordem.



Crédito da Foto: Bruno Concha/Secom PMS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->