Feirantes fazem manifestação e pedem ao prefeito que veja projeto que os mantém na Marechal em Feira de Santana - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é
PrefSSA

quarta-feira, março 17, 2021

Feirantes fazem manifestação e pedem ao prefeito que veja projeto que os mantém na Marechal em Feira de Santana



O projeto de requalificação foi elaborado por uma estudante de arquitetura da Faculdade Unef.



Feirantes da Rua Marechal Deodoro, no centro comercial de Feira de Santana, realizaram uma manifestação, na manhã desta terça-feira (16). O objetivo foi chamar a atenção do prefeito Colbert Martins Filho para que ele veja um projeto que eles consideram como a melhor alternativa de requalificação para o local, sem que seja necessário removê-los para o Centro de Abastecimento.

O projeto, foi um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), elaborado pela graduanda em arquitetura e urbanismo da Faculdade Unef, Mariana Amaral da Silva, sob orientação do professor Allan Pimenta.

A feirante Sheila dos Santos disse que o projeto mantém as barracas, porém de forma padronizada e organizada.

“Viemos fazer uma manifestação pacífica para chamar atenção do prefeito para que ele venha ver o nosso projeto. Não queremos parar a obra. Sabemos que Feira vai ficar bonita, mas em cima desta revitalização, nós queremos colocar o nosso projeto. Nosso projeto tem barracas padronizadas com direito a banheiros, segurança, cada um vai fiscalizar o outro para que não haja bagunça e sujeira. Temos direitos como cidadãos de levar o nosso pão de cada dia para casa. Tem muito cidadão como eu que vive da feira. Minha mãe trabalhou por 45 anos, me criou e estou criando meus filhos e netos com esta feira. Encaminhamos o projeto várias vezes, mas foi uma ação frustrada. Viemos nos concentrar aqui para você ver que a feira existe, que o vendedor existe, que somos pessoas educadas, civilizadas e queremos que ele veja o nosso projeto, venha nos chamar para conversar para ele ver o que pode fazer para nos ajudar", informou.

A feirante Edineide Ribeiro informou que os vendedores aguardam a reunião com o prefeito para tratarem sobre o assunto. Ela disse também que os feirantes não aceitam a transferência para o Centro de Abastecimento.

“Tivemos uma reunião com o secretário Joedilson, de Desenvolvimento Econômico, falamos com ele sobre o nosso projeto, porque vimos que a revitalização para o centro da cidade é ótima, mas o que será das feiras livres e do comércio de rua? O que será dessas pessoas que vivem desse comércio de rua? Na última reunião que tivemos com o secretário ficou de ele intermediar uma reunião com o prefeito para a gente apresentar nosso projeto, só que até hoje não tivemos esse retorno e as obras estão avançando de vento em polpa. E a gente vai para onde? Eles solicitaram o Centro de Abastecimento, mas não tem condições nenhuma de quem está aqui em cima ir para o Centro de Abastecimento, porque lá não tem organização, tem sujeira, bagunça, e querem colocar a gente lá. A gente não aceita de forma alguma ir para o centro de abastecimento. A gente quer uma nova feira na Marechal. A gente não quer expulsão, a gente quer organização, um lugar de trabalho digno”, enfatizou.



Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

NE-Sem fome
-->