Mais de 500 PMs ocupam o bairro de Valéria em Salvador após aumento da violência e clima de tensão na região - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sexta-feira, março 05, 2021

Mais de 500 PMs ocupam o bairro de Valéria em Salvador após aumento da violência e clima de tensão na região




A Polícia Militar deu início, na manhã desta sexta-feira (5/3), a uma ocupação no bairro de Valéria, em Salvador. Cerca de 530 militares da 31ª CIPM, Rondesp BTS, Batalhão de Choque, Graer, Águia, Polícia Montada e Coppa reforçarão o patrulhamento.


Segundo a SSP-BA, o principal objetivo da ação é combater duas organizacões criminosas que disputam pontos de venda de drogas, na região. Bloqueios itinerantes serão montados nas principais entradas e saídas do bairro, promovendo abordagens a veículos e pedestres.

Ainda de acordo com a SSP-BA, cães farejadores também serão empregados fazendo varreduras buscando entorpecentes. "Ampliaremos o patrulhamento ostensivo no bairro, por tempo indeterminado, sufocando as duas organizações criminosas", ressaltou o comandante-geral da PM, coronel Paulo Coutinho.

CLIMA DE TENSÃO

A operação da PM chega ao bairro, após seguidas queixas de moradores do local, que reclamam do aumento da violência no bairro, nos últimos meses. Além dos constantes confrontos entre facções criminosas ligadas ao tráfico de drogas e frequentes homicídios relacionados com a situação, uma ocorrência chocou a comunidade, na noite de quarta-feira (3/3), quando a funcionária de um mercado foi morta durante tentativa de assalto ao estabelecimento.

As ações da polícia começaram, desde ontem (4/3), no bairro, com a presença de policiais civis. Eles cumpriram mandados de busca e apreensão na região, com o intuito de identificar e qualificar suspeitos de homicídios e outros crimes, além de intensificar investigações.



Crédito da Foto: divulgação/SSP-BA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->