Taxista é atingido por bala perdida durante tiroteio no bairro Engenho Velho da Federação em Salvador; família culpa PM - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sexta-feira, maio 14, 2021

Taxista é atingido por bala perdida durante tiroteio no bairro Engenho Velho da Federação em Salvador; família culpa PM



Um taxista que não teve a identidade divulgada está em estado grave após ter sido baleado em um tiroteio supostamente envolvendo policiais militares e traficantes na noite de quinta-feira (14/5), em Salvador. Ele estava dentro de casa, no bairro do Engenho Velho da Federação, quando foi atingido por uma bala perdida.


Em vídeo enviado à redação do Aratu On, familiares dizem que o tiro foi deflagrado pelos policiais, que chegaram atirando na comunidade. "Meu tio dentro de casa, 'as polícias' chegaram atirando, isso aqui é uma poça de sangue... minha mãe passando mal. Ele estava dentro de casa, olha o que aconteceu", diz o parente.

As imagens são pesadas e, em respeito aos leitores do Aratu On, não serão reproduzidas na reportagem.

Em nota, a Polícia Militar disse que foi até o local após uma denúncia de disparos de arma de fogo praticados por bandidos e, ao chegar na Rua Xisto Bahia, por volta de 20h, confirmou a informação.

O comandante da 41ª Companhia Independente (CIPM), major Anderson Rodrigues, acrescentou que, na posição onde estava a guarnição, não é possível que a bala que acertou o taxista tenha saído de uma arma oficial.

"A residência dele está localizada atrás da linha onde estavam os policiais. Então, pra polícia ter feito esse disparo, teria que se virar de costas para o perigo para daí atingir o inocente. Então não existe nenhum tipo de justificativa para esse tipo de afirmação", defendeu.

No vídeo enviado pelos familiares, é possível ver alguns policiais de costas para a casa e indo na direção contrária. Assim que cessaram os tiros, a guarnição socorreu o ferido. "Tivemos informações de que ele está reagindo positivamente, com surpresa até da equipe médica", detalhou o oficial.



‌Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.



Credito da foto:leitor/Aratu On

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->