Em jogo de poucas emoções, Bahia e Corinthians ficam no zero a zero, em Pituaçu - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

domingo, junho 20, 2021

Em jogo de poucas emoções, Bahia e Corinthians ficam no zero a zero, em Pituaçu




Em um jogo tecnicamente fraco e de poucas jogadas de perigo, Bahia e Corinthians empataram em 0 a 0, neste domingo (20/6), no estádio de Pituaçu, em Salvador, pela quinta rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Bahia subiu para a sexta posição na tabela, agora com nove pontos. Já o Corinthians é o décimo colocado, com cinco pontos.

O JOGO

O time alvinegro teve mais disposição ofensiva nos primeiros minutos e teve a primeira boa chance de abrir o placar. Aos 16 minutos, Matheus Vital carregou a bola até a entrada da área, ajeitou e chutou firme. A bola passou muito perto do gol de Matheus Teixeira e até balançou as redes, mas pelo lado de fora. Foi uma das poucas criações ofensivas da primeira etapa. Já no segundo tempo, ambas as equipes buscaram um pouco mais o gol adversário.

2º TEMPO MOVIMENTADO

Aos 11 minutos, Ramiro quase abriu o placar com uma cabeçada que surpreendeu o goleiro do tricolor baiano. Mas Matheus Teixeira conseguiu dar um tapa e desviar a bola por cima da trave. Já aos 18, foi a vez do artilheiro Gilberto assustar o goleiro corintiano Cássio com uma cabeçada que raspou a trave esquerda.

Porém, três minutos depois, aos 21, o centroavante Jô — que fazia a sua 300ª partida com a camisa do Corinthians — esteve muito perto de marcar o gol que colocaria em vantagem a equipe paulista.O camisa 77 se preparava para escorar com o pé um cruzamento vindo da direita, mas o zagueiro Matheus Bahia conseguiu um desvio providencial com o bico da chuteira para tirar a bola que rolava na direção do artilheiro.

VAR EM AÇÃO

Aos 27 minutos, o árbitro Bruno Arleu de Araújo foi chamado pela equipe do VAR para checar um possível pênalti na área do Bahia em lance que envolvia Thonny Anderson e Vitinho. No entanto, após a revisão, a arbitragem manteve a decisão de não marcar a penalidade máxima.

O time da casa teve a melhor oportunidade de toda a partida, aos 44 minutos, quando Óscar Ruiz, que havia acabado de entrar em campo, finalizou com muito perigo e obrigou Cássio a fazer a grande defesa do jogo — e salvar o Corinthians de uma derrota em Salvador.



‌Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.


Credito da foto:Felipe Oliveira / EC Bahia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->