💰💰💰 Governadores do Consórcio Nordeste se reúnem para planejar uso da Sputnik. São os mesmos envolvidos na compra fraudulenta de respiradores 💰💰💰 - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sábado, junho 05, 2021

💰💰💰 Governadores do Consórcio Nordeste se reúnem para planejar uso da Sputnik. São os mesmos envolvidos na compra fraudulenta de respiradores 💰💰💰




Governadores e secretários de Estados do Norte, Nordeste e Centro-Oeste reuniram-se de forma virtual neste sábado (5/6) para tratar da vacina Sputnik V, que teve o aval da Anvisa para importação excepcional nesta sexta-feira (4).


O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), publicou em suas redes sociais imagens da reunião online que contou com a participação dos governadores da Bahia, Rui Costa (PT), do Pará, Helder Barbalho (MDB), do Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), do Piauí, Wellington Dias (PT), do Alagoas, Renan Filho (MDB) e da Paraíba, João Azevedo (Cidadania).

Dentre os secretários estaduais de Saúde, é possível identificar André Longo, de Pernambuco, Ismael Alexandrino, de Goiás, e Carlos Lula, do Maranhão, além de Eduardo Corrêa Tavares, secretário de Planejamento do Amapá. Também foi possível identificar representantes do governo do Rio Grande do Norte, assim como do secretário executivo do Consórcio Nordeste, Carlos Gabas.

"Tratamos da aprovação pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) da importação e do uso da vacina Sputnik V no Brasil. Estamos analisando todos os aspectos relevantes para que a utilização de mais esse imunizante nos ajude a ampliar a vacinação da nossa população com segurança, eficácia e obedecendo todos os protocolos sanitários. Vacinas salvam vidas. Acelerar o ritmo da imunização é urgente", escreveu o governador de Pernambuco, Paulo Câmara.

A Sputnik V foi requisitada por seis estados: Bahia, Maranhão, Sergipe, Ceará, Pernambuco e Piauí. A Anvisa permitiu a importação excepcional da Sputnik V e da Covaxin também em caráter excepcional, mas estabeleceu uma série de limitações para uso dessas vacinas no Brasil, como o uso somente para adultos entre 18 e 60 anos, sem comorbidades e não vacinados. A agência também determinou o monitoramento dos resultados.



‌Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.


Credito da foto:Ilustrativa/Pixabay

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->