MPF apresenta nova denúncia contra 16 pessoas na Operação Faroeste; entre eles três desembargadores do TJBA - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

terça-feira, julho 06, 2021

MPF apresenta nova denúncia contra 16 pessoas na Operação Faroeste; entre eles três desembargadores do TJBA




É a sétima apresentada pelo órgão.


O MPF (Ministério Público Federal) apresentou nesta 2ª (5.jul.2021) uma nova denúncia, a sétima, contra 16 pessoas no âmbito da Operação Faroeste, que investiga os crimes de organização criminosa, corrupção e lavagem de dinheiro em um esquema de venda de decisões judiciais.

A nova acusação envolve os crimes de corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Entre os denunciados, estão:
  • Maria do Socorro Barreto, Gesivaldo Nascimento Britto e José Olegário Monção Caldas (desembargadores);
  • Sérgio Humberto e Marivalda Moutinho (juízes);
  • Márcio Duarte, João Novais, Geciane Maturino dos Santos e Aristóteles Moreira (advogados);
  • Ediene Santos Lousado (promotora);
  • Gabriela Macedo (delegada da Policia Civil)
  • Maurício Barbosa (ex-secretário de segurança pública da BA).
Na denúncia apresentada na 6ª (2.jul.2021) para o ministro Og Fernandes, relator do caso no STJ (Superior Tribunal de Justiça), o MPF pede a manutenção de prisões preventivas e de medidas alternativas à prisão de parte dos acusados no esquema criminoso.

Segundo o MPF, o casal Adaílton Maturino e Geciane Maturino viabilizava o recebimento e pagamento do dinheiro destinado aos envolvidos no esquema por meio de pagamento fracionado. Parte do valor era entregue em espécie, outra parcela era depositada em conta bancária de terceiros, e também com entrega de jóias.

De acordo com o MPF, o casal operou um “mecanismo sistemático de lavagem de dinheiro”, movimentando R$ 1,5 milhões em propina. O órgão pede que os acusados devolvam R$ 8,7 milhões, acrescidos das correções legais. Também foi requerido que os denunciados paguem indenização de R$ 10 milhões, por danos morais coletivos.


Fotos :::: Reprodução TJBA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->