Estudantes da rede estadual de todos os municípios recebem quarta parcela do Bolsa Presença - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

segunda-feira, agosto 09, 2021

Estudantes da rede estadual de todos os municípios recebem quarta parcela do Bolsa Presença




O programa deve alcançar 311 mil famílias de 357 mil estudantes, totalizando R$ 280 milhões de investimento com recursos próprios do Estado.


Estudantes da rede estadual de unidades de todos os municípios vão receber, nesta terça-feira (10), a quarta parcela do Bolsa Presenla. O programa do governo do Estadoe beneficia famílias de alunos em condição de vulnerabilidade socioeconômica e com cadastro no CadÚnico. Cada família recebe um crédito de R$ 150 por mês.

De acordo com a Secretaria da Educação do Estado (SEC), o programa deve alcançar 311 mil famílias de 357 mil estudantes, totalizando R$ 280 milhões de investimento com recursos próprios do Estado. A concessão do benefício está vinculada à assiduidade nas aulas (remotas, híbridas ou presenciais) ministradas pela unidade escolar em que o aluno esteja matriculado; à participação obrigatória dos alunos nas avaliações de aprendizagem promovidas pela unidade escolar, visando orientar o acompanhamento pedagógico; e à manutenção dos dados cadastrais atualizados na unidade escolar e de sua família no CadÚnico.

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, destacou que o Bolsa Presença faz parte do Programa Estado Solidário e visa promover a permanência dos estudantes na escola e uma relação mais próxima entre a escola, a família e as comunidades. 

“A escola é um espaço de educação e não há educação sem acolhimento. Por isso, podemos dizer que o Bolsa Presença é, sobretudo, uma iniciativa de cuidado e de zelo do Governo da Bahia com os estudantes e suas famílias. É uma política pública que dialoga diretamente com a família, no enfretamento da vulnerabilidade socioeconômica. Ao apoiá-los financeiramente, o Estado contribui para evitar que o estudante abandone a escola para trabalhar e, ao assegurar a sua permanência na escola, também garante o seu direito de aprender”.



Foto ::: Divulgação 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->