Com quinta-feira violenta, Salvador e região metropolitana registram ao menos 12 mortes - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sexta-feira, setembro 10, 2021

Com quinta-feira violenta, Salvador e região metropolitana registram ao menos 12 mortes




Todas as vítimas foram homens e a maioria delas morreu na capital. Dos 12 assassinados, oito não tiveram identidade e idade informada.



A quinta-feira (9) teve um grande registro de mortes violentas em Salvador e região metropolitana. Ao todo, o boletim da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) contabilizou 12 mortes – a maioria delas na capital.

Todas as vítimas são do gênero masculino. Dos 12 assassinados, oito não tiveram identidade e idade informada. Em Salvador, os crimes aconteceram nos bairros de Calçada, Castelo Branco, Nazaré, Ribeira, São Marcos, Sussuarana e Tancredo Neves.

Entre as vítimas mortas estão André Luís de Almeida Santana, de 32 anos, e Luís Michel Alves Santos – que não teve idade informada. Os dois foram mortos no bairro da Calçada, no início da noite. Em ambos os casos, a autoria e motivação do crime estão sendo investigadas.

André Luís foi atingido por tiros na Rua Barão de Cotegipe. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu aos ferimentos. Segundo a polícia, a perícia já foi solicitada, mas nenhum familiar da vítima ou testemunha do crime foram identificados até esta manhã.

Luís Michel também foi morto a tiros, mas na Rua Régis Pacheco. Ele morreu ainda no local e a perícia foi acionada. As duas ruas ficam a cerca de 10 minutos uma da outra, e as vítimas foram assassinadas em um intervalo de 30 minutos. Apesar disso, a polícia ainda não tem informações se as mortes possuem ligação.

Outra morte que aconteceu na região da Cidade Baixa foi o do jovem Daniel Bruno de Santana Sotero, de 28 anos. Ele também foi morto a tiros, mas na Ribeira, em uma localidade conhecida como Areal. Daniel Bruno foi socorrido para o Hospital do Subúrbio, onde morreu.

Assim como os outros casos, a polícia investiga quem matou e o que motivou o crime. Os três homicídios estão sob apuração da 3ª Delegacia de Homicídios.

Já na região metropolitana, os crimes aconteceram em Camaçari, Mata de São João, São Sebastião do Passé e Simões Filho. Dessas vítimas, a única que teve identidade divulgada foi o jovem Rodrigo Oliveira dos Santos, de 18 anos.

Ele também foi morto a tiros na Rua das Concinhas, em uma localidade conhecida como Santa Maria. O crime aconteceu na madrugada, por volta das 1h21, mas a identidade dele foi confirmada já durante a tarde. O caso também é investigado pela polícia.


Foto: Vanderson Nascimento/ TV Bahia / G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->