Corpos de jovens encontrados mortos após abordagem policial são enterrados sob forte comoção em Salvador - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

quarta-feira, setembro 22, 2021

Corpos de jovens encontrados mortos após abordagem policial são enterrados sob forte comoção em Salvador



Sepultamento aconteceu nesta terça-feira (21), no cemitério Quinta dos Lázaros.


Os corpos de Jamilton Bispo da Silva, de 22 anos, e Jorge Luís Silva Nascimento, de 23, encontrados mortos após uma abordagem policial, foram enterrados sob forte comoção, na tarde desta terça-feira (21), na Baixa de Quintas, em Salvador.

O sepultamento aconteceu por volta das 16h, no cemitério Quinta dos Lázaros. O momento contou com música e fogos de artifício em homenagem aos jovens.

"Um pai de família, um bom filho, entendeu? Não merecia morrer desse jeito, não. Não merecia", disse Ana Paula Silva, mãe de Jorge Luís.

Segundo familiares, na manhã do domingo (19), os dois seguiam para a praia e, ao passarem pela Ladeira da Preguiça, foram abordados por militares das Rondas Especiais (Rondesp).

As famílias contam que os rapazes foram confundidos com assaltantes de ônibus e levados para uma delegacia. Eles teriam sido liberados entre as 15h e 17h. No entanto, não foram mais vistos e só foram encontrados na manhã de segunda-feira (20), mortos, na região de Valéria.

Os familiares acusam os policiais militares de terem matado os jovens. Por causa disso, realizaram um protesto na Avenida J. J. Seabra, na segunda-feira, para pedir justiça.

Em nota, a Policia Militar informou que policiais militares da Operação Gêmeos realizavam rondas no na região do Comércio quando abordaram os dois rapazes e levaram para o Grupamento Especial de Repressão a Roubos em Coletivos (Gerrc). De acordo com o órgão, um deles foi reconhecido pelo cobrador do ônibus como autor do roubo.

Exaltados, os manifestantes foram contidos pela PM, que usou spray de pimenta e balas de borracha. Quatro pessoas – dois homens e duas mulheres – foram detidos pelos policiais.

A PM relatou que os manifestantes foram levados para a Central de Flagrantes depois de atirarem pedras em um ônibus que passava no local.

Os coletivos do transporte público de Salvador pararam de circular na Barroquinha, na segunda-feira, e voltaram a transitar no bairro nesta terça.

Além disso, as lojas da região também fecharam mais cedo na segunda, por volta das 14h30, e foram reabertas normalmente nesta terça-feira.



 Foto: Arquivo pessoal

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->